Moda

Levi’s convidou a criadora portuguesa Béhen para desenhar uma coleção sustentável

A marca americana criou uma parceria com a jovem designer, que usou tecidos reciclados e stock que estava parado.
Foi lançada no final de fevereiro.

O mundo da moda está, cada vez mais, a querer consciencializar-se e a assumir os impactos negativos da indústria no planeta. Segundo a Levi’s, se por um lado consumimos mais roupa do que precisamos, por outro doamos ou reciclamos apenas uma ínfima parte dela. Assim, é inevitável que o desperdício têxtil se tenha tornado um problema e “uma das piores tendências de sempre”.

Ainda estamos longe de um sistema circular perfeito, mas há marcas que se esforçam por trabalhar nesse sentido — e a Levi’s e a Béhen querem ser duas delas. A marca americana, por exemplo, lançou no inverno de 2020 a sua coleção mais sustentável de sempre, que contou com ganga feita com fibras de cânhamo suavizado; a utilização de poliéster reciclado; e acabamentos Water<Less em quase 70 por cento das peças de ganga.

A nível europeu, apostou num projeto de up-cycling através do qual as equipas locais da Levi’s desafiaram jovens criadores e criativos para desenharem novas peças feitas com stocks parados e artigos de coleções antigas da marca. Em Portugal, a designer escolhida foi a galardoada Béhen, que tem apresentado as suas coleções na ModaLisboa nas últimas estações.

Chama-se Levi’s + Béhen Denim Up-Cycling Project e trata-se de um projeto composto por três looks totais de mulher e três looks de homem, que resultam em 15 peças novas e únicas, criadas exclusivamente a partir de 25 artigos de ganga de coleções antigas da Levi’s, além de stocks que estavam parados.

levi's
Algumas criações de Béhen.

Pela ligação da marca americana ao denim, à classe trabalhadora e até ao universo feminino português, a inspiração de Béhen na criação destas peças foi o sabão azul e branco. A tradicional pintura de papéis marmoreados do nosso País foi a forma como a designer materializou as suas ideias. Para o fazer, teve apoio da Fundação Ricardo do Espírito Santo Silva (FRESS), onde aprendeu a transpor esta técnica artesanal de pintura do papel para os tecidos de ganga da Levi’s.

O processo complexo de criação das peças foi partilhado por Béhen na sua conta oficial de Instagram, onde é possível ver imagens de bastidores do tingimento da ganga, mergulhada em recipientes grandes com misturas de tintas coloridas, mas também algumas curiosidades da campanha, como uma fotografia tirada com os modelos ao final de uma tarde fria. Para a criadora portuguesa Joana Duarte este projeto foi “um conto de fadas”.

A coleção foi lançada oficialmente no final de fevereiro deste ano. As 15 peças da Levis + Béhen Denim Up-Cycling Project estão disponíveis para venda no site oficial e plataformas digitais da designer. Para apoiar a luta por um planeta melhor, 30 por cento das receitas serão doadas pela Béhen à Fundação Príncipe, reconhecida pelo seu trabalho de conservação e proteção da biodiversidade da ilha do Príncipe.

No site da criadora portuguesa, vai encontrar calças de ganga com franjas, tops, blusões cropped, corpetes e saias, com detalhes como os cristais Swarovski a decorar alguns tecidos. Os preços variam entre os 180€ (no caso de um top) e os 380€ (no caso de alguns modelos de calças de ganga).

levi's
São, ao todo, 15 peças.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT