Moda

Morreu o estilista Manuel Alves da dupla Alves/Gonçalves

O designer português é o criador de uma das mais conhecidas marcas de moda nacionais. Tinha 72 anos.
Manuel Alves à esquerda.

O designer de moda Manuel Alves morreu aos 72 anos. A notícia foi avançada na manhã desta terça-feira, 14 de maio, após vários dias internado no Hospital da Luz, em Lisboa. A morte terá acontecido na sequência de uma doença oncológica, avançou o Portugal Fashion ao “Público”.

O atelier publicou uma nota de pesar onde recorda “a memória do seu espírito livre e da estética irrepreensível que o transformaram numa referência incontornável da moda em Portugal”.

O estilista compunha metade da dupla da marca Alves/Gonçalves, ao lado de José Manuel Gonçalves, companheiro de trabalho e de vida. Juntos, eram apelidados carinhosamente como os Manéis e celebraram 40 anos de parceria em 2024.

Nascido em Montalegre, estudou em Braga e chegou a dar aulas, até que percebeu que o seu percurso tinha de passar moda, área pela qual sempre foi apaixonado. Abriu as primeiras lojas de marca própria no Porto, as Cúmplice, que fizeram sucesso devido às propostas masculinas. A carreira ganha novas dimensões em 1984, quando se muda para Lisboa.

Nesse mesmo ano começa a colaboração com José Manuel Gonçalves, com quem fundou a marca que se tornou uma das mais famosas etiquetas de alta costura no nosso País. Juntos, decidem abrir duas lojas no Bairro Alto, em Lisboa, para comercializarem as suas coleções feminina e masculina.

Um ano depois apresentam-se no Palácio do Correio Velho e, desde então, têm vindo a mostrar regularmente as suas linhas de moda.

Conquistaram um Globo de Ouro da SIC na área de Moda, desenharam uniformes para empresas como a Vodafone e a TAP, assim como figurinos para cinema, teatro e bailado. Com o apoio do Portugal Fashion já desfilarem em São Paulo, Brasil, e Nova Iorque, EUA.

Em 2019, Conan Osíris levou roupas dos estilistas para as atuações no festival da Eurovisão.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT