Moda

Neste mercado pode trocar a roupa que já não usa pelas peças que mais quer

Cada pessoa pode levar até cinco propostas em boas condições. É uma das iniciativas mais popular da Fashion Revolution Week.
Todas as peças estão em bom estado.

Em Portugal, a Fashion Revolution Week começa no mês de abril, à semelhança do que acontece no resto do mundo. O mês escolhido é uma forma de evocar o colapso da fábrica Rana Plaza, no Bangladesh. A catástrofe sem precedentes ocorreu a 24 de abril de 2013 e resultou na morte de milhares de trabalhadores que fabricavam peças para marcas como a Primark, Benetton ou Mango.

Durante esta semana, o movimento global Fashion Revolution promove a reflexão através de workshops, seminários e documentários. No entanto, uma das iniciativas mais esperadas pelo público é o mercado Swap Market, que decorre este sábado, 20 de abril, no Museu Nacional do Traje, em Lisboa.

O evento permite que os visitantes levem até cinco peças em bom estado — a triagem é feita à chegada, uma vez que numa fase inicial as pessoas aproveitavam para descartar as roupas que tinham a mais, independentemente das condições em que estivessem. Esta curadoria assegura que não existe nenhuma peça estragada.

Todos os interessados em participar no mercado podem trazer roupa que já não usam, desde que estejam boas para serem utilizadas. Devem estar lavadas, sem manchas ou nódoas, sem buracos, borbotos ou outros danos. A Fashion Revolution Portugal também não aceita doações de roupa.

“O Swap Market é, desde o início, a nossa atividade mais popular”, afirma a fundadora do movimento, Salomé Areias. “Não é um descarte. É uma oferta para as outras pessoas que vão trocar. A magia do evento é mesmo essa, vão entregar e receber com amor aquilo que viveram com essas peças de roupa.”

O mercado decorre entre as 15 e as 18 horas e a entrada é gratuita. Pode consultar toda a programação desta semana online.

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por Fashion Revolution Portugal (@fash_revportugal)

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT