Cinema

5 filmes portugueses realizados por mulheres chegam à Netflix na sexta-feira

“A Metamorfose dos Pássaros”, “Soa”, “Mar”, “Desterro” e “Simon Chama” são as produções que irá poder ver na plataforma.
"A Metamorfose dos Pássaros" é um dos filmes.

Em julho do ano passado, a Netflix e a Academia Portuguesa de Cinema estabeleceram uma parceria para lançar um concurso para apoiar mulheres cineastas em Portugal. A iniciativa recebeu 31 candidaturas e os filmes selecionados foram revelados em dezembro. Esta sexta-feira, 4 de novembro, chegam finalmente à plataforma de streaming.

“A Metamorfose dos Pássaros”, realizado por Catarina Vasconcelos; “Soa”, dirigido e escrito por Raquel Castro; “Mar”, realizado e co-escrito por Margarida Gil; “Simon Chama”, realizado por Marta Sousa Ribeiro; e “Desterro”, dirigido por Maria Clara Escobar, são os cinco filmes da lista.

“Com um total de 31 candidaturas apresentadas, referentes a longas-metragens finalizadas entre 2019 e 2020, ambas as entidades concluem que as expetativas foram superadas e que este é apenas um primeiro passo no caminho de uma maior representatividade e igualdade de oportunidades de mulheres no sector do cinema e audiovisual”, disse na altura a Academia Portuguesa de Cinema.

Cada um dos filmes distinguidos recebeu um prémio monetário de 15 mil euros para a cineasta que se candidatou (o dinheiro foi repartido se o trabalho tivesse sido feito por mais do que uma mulher). Cada produção estará um ano no catálogo da plataforma de streaming.

O comité que selecionou os projetos vencedores foi composto por quatro profissionais do audiovisual português — Carla Chambel, Fátima Ribeiro, Maria João Seixas e Tota Alves —, assim como por uma representante da Netflix, Isadora Laban.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT