Cinema

Academia pediu a Will Smith para abandonar os Óscares — recusou e ficou até ao fim

O processo disciplinar contra o ator foi iniciado esta quarta-feira. A próxima reunião está marcada para abril.
O ator foi convidado a sair, mas não o fez.

Logo após a agressão em direto durante a última edição dos Óscares, os membros da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas pediram a Will Smith para abandonar a cerimónia. Porém, o ator recusou sair do Dolby Theater e permaneceu até ao fim. A Academia iniciou esta quarta-feira, 30 de março, um processo disciplinar contra o Smith e admite que poderia ter agido de outra forma.

“Gostávamos de esclarecer que o senhor [Will] Smith foi convidado a deixar a cerimónia e recusou. Também reconhecemos que poderíamos ter lidado com a situação de maneira diferente”, lê-se num comunicado da Academia depois da última reunião — aqui citado pelo “The Hollywood Reporter”.

A Academia reconhece que o ataque de Will Smith a Chris Rock viola os padrões de conduta da associação. ”Houve contato físico inadequado e comportamento abusivo e ameaçador que compromete a integridade da Academia.”

Em causa poderão estar sanções ao ator, a suspensão ou até a sua expulsão. Ficou marcada uma nova reunião da Academia para o dia 18 de abril. Smith foi ainda convidado a explicar o que aconteceu por escrito antes desta próxima sessão.

O comunicado da Academia faz também um pedido de desculpas a Chris Rock, aos espetadores que assistiram à agressão em direto, e também os convidados e nomeados que estavam na sala do Dolby Theater.

Rock abordou o assunto pela primeira vez esta quarta-feira, 30 de março, num espetáculo de comédia em Boston, nos Estados Unidos. “Ainda estou a processar o que aconteceu”, disse. Descubra como o humorista superou os seus traumas psicológicos para aprender a reagir à violência — e que explica a sua reação ao que aconteceu nos Óscares.

Saiba também qual a doença autoimune de que sofre Jada Pinkett Smith, que originou a piada de Chris Rock, e leia as principais reações dos humoristas portugueses. Chris Rock já tinha feito piadas sobre os Smith nos Óscares de 2016.

O comediante recusou apresentar queixa contra Will e a Academia condenou o incidente, dizendo que pondera avançar com outras consequências. A piada de Chris Rock não estava no guião do espetáculo. Saiba ainda como a relação tensa entre Will Smith e a mulher poderá ter contribuído para a agressão.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT