Cinema

Boas notícias: a sequela de “Dune” vai chegar aos cinemas antes do previsto

Depois de ter sido adiada, a produtora repensou o calendário para o próximo ano e voltou a alterar a data de lançamento.

A estreia da antecipada sequela do filme “Dune”, lançado em 2021, vai acontecer antes do previsto. Inicialmente, a produção deveria chegar aos cinemas a 20 de outubro do próximo ano, no entanto, teve de ser adiada para o dia 17 do mês seguinte. Agora, sabemos que vai acontecer 15 dias mais cedo. A Warner Bros. voltou a organizar o seu calendário de lançamentos de 2023 e agendou a estreia da longa-metragem para dia 3 de novembro.

O primeiro “Dune” foi um enorme sucesso de bilheteira: a produção realizada por Denis Villeneuve entrou no top 25 dos filmes mais vistos do ano nos cinemas nacionais logo na primeira semana. Tornou-se, aliás, um dos filmes mais vistos por todo o mundo e foi bastante aclamado pela crítica.

A história é a mesma do filme que David Lynch dirigiu em 1984 — ambos se baseiam na obra homónima escrita por Frank Herbert. Inicialmente considerada “uma adaptação impossível”, acabou por se revelar um fenómeno.  Alejandro Jodorowsky sonhou com uma epopeia que não chegou a concretizar e a obra de Lynch nunca foi consensual — o próprio cineasta detesta o resultado final.

No próximo capítulo da narrativa, vai ser trabalhada a segunda metade do romance: Paul Atreides (Timothée Chalamet) irá unir-se aos Fremen para libertar o planeta deserto de Arrakis, da Casa Harkonnen.

Entre os atores que se juntaram ao elenco encontram-se Léa Seydoux, que interpretará Lady Margot, que será uma aliada fulcral de Atreides, o protagonista. A ela juntam-se Austin Butler (como Feyd-Rautha Harkonnen, herdeiro da casa Harkonnen), Christopher Walken (como o imperador Shaddam IV) e Florence Pugh (como a filha do imperador, a princesa Irulan). O guião está a ser escrito a quatro mãos pelo realizador Denis Villeneuve e pelo argumentista Jon Spaihts.

Leia também a crítica da NiT a “Dune” — e descubra onde Frank Herbert se inspirou para criar a história. Saiba ainda qual é o software português que foi usado na produção do filme.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT