Cinema

Cinema King em Lisboa volta a estar à venda por 1,95 milhões de euros

O espaço foi colocado novamente no mercado. Os interessados também podem arrendar o mítico cinema por 10 mil euros.
Está fechado há mais de uma década.

No final de novembro, os moradores do bairro de Alvalade, em Lisboa, foram surpreendidos com um cartaz afixado no edifício do cinema King onde se lia: “Vende-se”. O espaço não funciona desde 2013 e pode agora ser comprado por 1,95 milhões de euros, ou arrendado por 10 mil mensais.

O cinema com três salas e bar foi explorado durante mais de 20 anos pela Medeia Filmes, do produtor Paulo Branco. Encerrou há precisamente 10 anos e desde aí que tem passado de mão em mão.

O espaço esteve arrendado no último ano e meio para criar um projeto de cinema alternativo, como avança a “Time Out”. Mas a ideia nunca foi desenvolvida. O edifício está, por isso, ao abandono há uma década, o que tem deixado muitos residentes preocupados, como partilharam nos comentários numa publicação do grupo Vizinhos de Alvalade, no Facebook.

“O nosso King Triplex está à venda! Afinal, os rumores de que tinha sido adquirido pela Junta de Freguesia e que seria entregue a um grupo de malta do cinema independente não passavam disso mesmo…”, escreveu Bruno Cochat, na plataforma.

Em 2013, Paulo Branco decidiu encerrar as salas devido ao “incomportável o valor resultante da atualização da renda com base na nova lei do arrendamento”. O King funcionava no espaço do antigo cinema Vox, inaugurado em abril de 1969.

 

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT