Cinema

Já estreou em Portugal o primeiro filme realizado por Wagner Moura

"Marighella" conta a história de um dos maiores opositores da ditadura brasileira.
Este é o primeiro filme realizado por Wagner Moura

“Marighella”, o primeiro filme realizado pelo ator brasileiro Wagner Moura, estreou nos cinemas portugueses esta quinta-feira, 20 de maio. A apresentação foi no cinema Nimas, em Lisboa, e foi feita por Bruno Gagliasso, que na produção interpreta um agente da polícia política da ditadura do Brasil, que ordenou a morte do político e escritor Carlos Marighella, interpretado por Seu Jorge.

Em conversa com a Agência Lusa, citada pela RTP, Gagliasso admite a dificuldade que foi interpretar aquele papel: “Foi muito difícil e muito impactante. Faço uma personagem racista, um cara que acha que é patriota e hoje eu enxergo que existem vários pelo Brasil e pelo mundo. É um grito de resistência”.

Em 2019, “Marighella” foi apresentado ao público do Festival de Berlim. A pandemia tem vindo a atrasar a estreia do filme nos cinemas à volta do mundo, principalmente no Brasil, juntando a este país a problemática das questões políticas. Quanto a este último obstáculo, Bruno assume que, para ele, ser ator é “fazer política”.

“Marighella” conta a história dos últimos cinco anos da vida do político e guerrilheiro Carlos Marighella, começando em 1964 e acabando em 1969. Marighella, que chegou a ser considerado o “inimigo número um” do regime, foi assassinado a tiro em 1969 numa emboscada organizada pelo Departamento de Ordem Política e Social.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT