Cinema

Menina do casaco vermelho de “A Lista de Schindler” ajuda refugiados da Ucrânia

Oliwia Dabrowska é agora adulta e tem partilhado nas redes sociais o apoio que tem prestado.
Tinha três anos no filme.

Em 1993, Oliwia Dabrowska tinha três anos quando protagonizou um momento inesquecível em “A Lista de Schindler”, filme de Steven Spielberg. Era a “menina do casaco vermelho”, a única pessoa do filme que aparece a cores, que emerge entre a multidão quando os nazis estão a assassinar os judeus no gueto de Cracóvia. Ela, em particular, pela sua juventude, ar angelical e casaco vermelho, chama a atenção de Oskar Schindler.

Atualmente, Oliwia Dabrowska é uma mulher adulta. E, agora, quando a Europa é palco de uma guerra trágica na Europa que já provocou milhões de refugiados ucranianos, a antiga atriz e atual copywriter está a ajudar aqueles de que mais precisam.

A 9 de março, Dabrowska partilhou uma recriação da sua cena em azul e amarelo, cores da bandeira ucraniana. “Sempre foi o símbolo da esperança. Deixem-na ser de novo”, escreveu nas redes sociais. Poucos dias depois, ela e a mãe chegaram à fronteira entre a Polónia e a Ucrânia como voluntárias para ajudar os refugiados. Nas redes sociais tem partilhado a experiência e apelado à solidariedade.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT