Cinema

O que estava a fazer Anthony Hopkins quando venceu o Óscar? A dormir

Foi o último prémio entregue na cerimónia desta madrugada, mas o ator não estava presente nem em direto a partir de outro local.
O ator de 83 anos já tinha sido nomeado cinco vezes.

Foi um dos (vários) momentos estranhos dos Óscares de 2021. O prémio de Melhor Ator foi escolhido para ser o último da noite e o vencedor Anthony Hopkins, pelo papel que fez em “O Pai”, não estava presente em Los Angeles nem em direto do Reino Unido, onde vive. Assim, a cerimónia terminou com uma conclusão pouco satisfatória — e muitos especularam sobre se a organização tinha pensado que Chadwick Boseman ia ganhar o prémio e a gala ia terminar com uma homenagem especial.

Anthony Hopkins estava, de facto, a dormir — como confirmou o seu agente, Jeremy Barber, à “People Magazine”. O ator galês de 83 anos regressou recentemente a casa e estava a dormir, por volta das quatro horas da manhã, quando Barber lhe ligou a contar da novidade.

“Depois de um ano de quarentena, e de levar as duas vacinas, ele finalmente pôde regressar ao País de Gales, e aos 83 anos foi um grande alívio após um ano tão difícil”, explicou Jeremy Barber à revista. “Mas ele adorou o papel em ‘O Pai’ — é a sua performance que mais o orgulha — e ser o ator mais velho a ganhar naquela categoria significa muito para ele.”

Depois de acordar, Anthony Hopkins partilhou no seu Instagram um vídeo a agradecer o prémio. “Aos 83 anos, eu não esperava vencer este prémio. Estou muito grato à Academia, obrigado”, disse o ator, com uma paisagem rural por trás. Hopkins homenageou ainda Chadwick Boseman, seu concorrente para este prémio, por ter morrido tão cedo.

Anthony Hopkins venceu assim o segundo Óscar da carreira, quase 30 anos após ter recebido o prémio por interpretar Hannibal Lecter em “O Silêncio dos Inocentes”. O ator esteve nomeado outras quatro vezes.

Conheça a lista completa de vencedores dos Óscares deste ano (e descubra o que foi melhor e pior na cerimónia mais estranha de sempre).

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT