Cinema

Prémios Sophia: “Listen” é o melhor filme português do ano (e “Mosquito” destaca-se)

Os prémios anuais da Academia Portuguesa de Cinema foram entregues na noite deste domingo, 19 de setembro.
Lúcia Moniz protagonizou o filme.

“Listen” foi o maior vencedor desta edição dos Prémios Sophia, que todos os anos são organizados pela Academia Portuguesa de Cinema. Foram entregues na cerimónia deste domingo, 19 de setembro, que decorreu no Casino Estoril e foi transmitida em diferido pela RTP2.

O filme dirigido e co-escrito por Ana Rocha de Sousa (que tinha encantado os críticos e o público em vários festivais internacionais de referência, sobretudo em Veneza) venceu nas categorias de Melhor Filme, Melhor Realização, Melhor Atriz Principal, Melhor Atriz Secundária e Melhor Argumento.

Contudo, “Mosquito”, de João Nuno Pinto, também se destacou. Era o filme mais nomeado desta edição — estava a concorrer em 13 categorias — e acabou por levar para casa seis prémios, grande parte mais técnicos. Conheça a lista completa de vencedores dos Prémios Sophia.

Melhor Filme

“Listen”, de Ana Rocha de Sousa

Melhor Realização

Ana Rocha de Sousa, “Listen”

Melhor Ator Principal

João Nunes Monteiro, “Mosquito”

Melhor Atriz Principal

Lúcia Moniz, “Listen”

Melhor Actor Secundário

Filipe Duarte, “Mosquito”

Melhor Actriz Secundária

Maisie Sly, “Listen”

Melhor Documentário em Longa-Metragem

“Amor Fati”, de Cláudia Varejão

Melhor Série/Telefilme

“Terra Nova”, de Joaquim Leitão

Melhor Filme Europeu

“J’accuse – O Oficial e o Espião”, de Roman Polanski

Melhor Argumento Original

“Listen” (Ana Rocha de Sousa, Aaron Brookner e Paula Vaccaro)

Melhor Direção de Fotografia

“O Ano da Morte de Ricardo Reis”

Melhor Som

“Mosquito”

Melhor Montagem

“Mosquito”

Melhor Direção Artística

“O Ano da Morte de Ricardo Reis”

Melhor Guarda-Roupa

“Mosquito”

Melhor Efeitos Especiais/Caracterização

“Mosquito”

Melhor Maquilhagem e Cabelos

“Ordem Moral”

Melhor Banda Sonora Original

“Ordem Moral”

Melhor Curta-Metragem de Ficção

“Moço”, de Bernardo Lopes

Melhor Curta-Metragem de Documentário

“Mulher como Árvore”, de Alejandro Vázquez, Carmen Tortosa, Daniela Cajías, Flávio Ferreira e Helder Faria

Melhor Curta-Metragem de Animação

“Elo”, de Alexandra Ramires

Prémio Sophia Estudante

“No Fim do Mundo”, de Abraham Escobedo-Salas (Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias)

Prémio Sophia Carreira

Sinde Filipe e Maria do Céu Guerra

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT