Cinema

Quentin Tarantino abre exceção para dizer o que achou do novo “Top Gun”

O realizador americano raramente comenta filmes recentes, mas não conseguiu conter o entusiasmo com a sequela de Tom Cruise.
Tom Cruise protagoniza e produziu a sequela.

Entre os vários milhões de espectadores que foram ver o novo “Top Gun: Maverick” encontra-se o icónico cineasta Quentin Tarantino. O realizador americano, que muito raramente comenta sobre filmes recentes, partilhou o que achou sobre a sequela protagonizada e produzida por Tom Cruise.

“Adorei o ‘Top Gun: Maverick’”, disse Tarantino, em entrevista no podcast “ReelBlend”. Inicialmente, estava reticente em fazer o comentário. “Porque depois sou obrigado a dizer coisas boas, porque se não estou a arrasar alguém, e não quero fazer isso. Mas, pronto, neste caso, achei fantástico. Vi nos cinemas. Esse e o ‘West Side Story’ do Spielberg proporcionaram um espetáculo cinematográfico de um nível que pensei que nunca mais veria.”

Quentin Tarantino é um admirador conhecido de Tony Scott, o realizador do “Top Gun” original”, que dirigiu “True Romance” a partir de um guião de Tarantino. Segundo o cineasta, esta sequela é o mais próximo que os fãs vão estar de um novo filme de Tony Scott, uma vez que o realizador morreu em 2012.

“Havia este aspeto adorável, porque adoro mesmo o cinema do Tony Scott, e isto é o mais próximo que vamos estar de mais um filme do Tony Scott. [O novo realizador Joseph Kosinski] fez um grande trabalho. O respeito e o amor pelo Tony estavam em cada plano. Em cada decisão. Estava lá de forma consciente, mas de uma maneira fixe, muito respeitosa”, acrescentou.

“Top Gun: Maverick” tem sido um sucesso de bilheteira e junto dos críticos. O filme já arrecadou mais de 1,2 mil milhões de euros e é o mais lucrativo de toda a carreira de Tom Cruise.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT