Cinema

Razzies: já são conhecidos os candidatos a pior filme do ano

É também esperada a entrega de um Razzie especial: de uma estatueta a 2020 como "o pior ano do calendário de sempre”.
"Dolittle", com Robert Downey Jr.

Já são conhecidos os candidatos a pior filme de um dos anos ano mais trágicos para a história do cinema: devido à pandemia, houve ausências e adiamentos sucessivos de estreias, salas de cinema a fechar. O setor, como tantos outros, entrou em crise, algo balançado apenas pelas possibilidades das plataformas digitais.

Mesmo com tudo isto, os Razzies não poderiam parar: e anunciaram esta sexta-feira, 12 de março, três dias antes das nomeações dos Óscares, os seus candidatos, não a melhor, mas a pior filme de 2020.

365 Days,” “Absolute Proof,” “Dolittle,” “Fantasy Island” e “Music”, o polémico filme de Sia, foram nomeados como “pior filme” para os 41.º Prémios Anuais Razzie de Ouro.

Segundo a “Variety“, esta lista dá ao mundo “uma ideia do que pior correu enquanto o planeta estava bloqueado”. Os vencedores serão anunciados a 24 de abril, um dia antes da cerimónia de entrega dos Óscares. 

Nas nomeações, “365 Days”, o primeiro candidato a um filme estrangeiro, lidera com seis indicações para Razzie ao lado de “Dolittle”, de Robert Downey Jr. O advogado de Donald Trump, Rudy Giuliani, está ironicamente nomeado como pior ator secundário e pior combinação no ecrã pela sequela de “Borat“, enquanto Ron Howard foi nomeado para pior realizador por “Hillbilly Elegy“.

Há ainda atores bem conhecidos nas nomeações para piores prestações: o já repetente Adam Sandler, Kristen Wiig, David Spade Glenn Close e Anne Hathaway estão entre os indicados. É também esperada a entrega de um Razzie especial: de uma estatueta a 2020 como “o pior ano do calendário de sempre”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT