Cinema

Se fosse hoje, Eddie Redmayne não faria o papel de “A Rapariga Dinamarquesa”

O ator foi nomeado ao Óscar pelo trabalho que fez no filme de 2015 realizado por Tom Hooper.
"A Rapariga Dinamarquesa" estreou em 2015.

Numa entrevista ao “The Sunday Times”, o ator Eddie Redmayne disse que, se fosse hoje, recusaria fazer o papel de protagonista em “A Rapariga Dinamarquesa”. “Fiz esse filme com a melhor das intenções, mas acho que foi um erro.”

Redmayne, um ator cisgénero heterossexual, foi muito elogiado pela sua interpretação de Lili Elbe, pintora dinamarquesa que foi uma das primeiras pessoas a ser submetida a uma cirurgia para mudar de sexo. Mas ter sido escolhido para desempenhar o papel também foi criticado por alguns espectadores.

“A maior discussão sobre as frustrações dos castings tem a ver com o facto de muitas pessoas não terem um lugar à mesa. Tem de haver uma aproximação. Se não, vamos continuar a ter estes debates”, acrescentou o ator.

A prestação valeu a Eddie Redmayne uma nomeação ao Óscar de Melhor Ator. “A Rapariga Dinamarquesa” estreou em 2015 e foi realizado por Tom Hooper. Redmayne conquistou um Óscar pela sua interpretação de Stephen Hawking em “A Teoria de Tudo”. 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT