Cinema

Após terminar relação com Ben Affleck, Jennifer Lopez “pensava mesmo que ia morrer”

A artista lançou esta sexta-feira, 16 de fevereiro, um novo disco e documentário, chamados "This is Me... Now: A Love Story".
Uma das maiores histórias de amor de Hollywood.

Brangelina (Brad Pitt e Angelina Jolie), Jelena (Justin Bieber e Selena Gomez), Kimye (Kim Kardashian e Kanye West) e Zigi (Zayn Malik e Gigi Hadid) foram apenas alguns dos casais mediáticos de Hollywood. Contudo, mais tarde ou cede, todos acabaram por se separar — e, até agora, não reataram. Mas é impossível mencionarmos relações que deram que falar sem mencionarmos Bennifer, uma junção entre Ben (Affleck) e Jennifer (Lopez). Ao contrário dos exemplos anteriores, a história de amor perdura — apesar dos obstáculos que enfrentaram pelo caminho.

A dinâmica entre ambos é apenas um dos focos de “This is Me… Now: A Love Story”, um novo documentário sobre JLo que estreou esta sexta-feira, 16 de fevereiro, na Prime Video. “Com o realizador Dave Meyers, Lopez cria uma experiência cinematográfica imersiva, cheia de referências mitológicas, que mostram a sua viagem até ao amor romântico e ao amor-próprio”, lê-se na sinopse. 

Conta com participações especiais de celebridades como Trevor Noah, Kim Petras, Post Malone, Sofia Vergara, Jenifer Lewis, Keke Palmer, Neil deGrasse Tyson e, claro, do marido de 51 anos. A cantora também lançou um álbum com o mesmo nome.

Conheceram-se em 2002, no set de “Gigli”, filme que fizeram em conjunto, quando Jennifer era casada com o bailarino Cris Judd. Acabariam por se divorciar nesse mesmo ano e, pouco tempo depois, Affleck e Lopez anunciaram que estavam noivos durante uma entrevista a Diane Sawyer, em novembro. “Quando o conheci, senti imediatamente que ele era a pessoa certa para mim”, contou.

O pedido de casamente foi sinónimo de ostentação. Quando o ator se ajoelhou, tinha consigo um anel com um diamante rosa da marca Harry Winston. Segundo o que várias publicações adiantaram naquela altura, tinha um custo de aproximadamente 2,30 milhões de euros. “Foi um momento muito tradicional, mas também espetacular — algo que o Ben sabe fazer muito bem”, revelou a atriz na mesma entrevista. E acrescenta: “Ele é muito inteligente, amoroso, charmoso e carinhoso. Admiro-o imenso.”

Sabia que o público considerava o relacionamento “improvável”, mas tinham mais em comum do que muitos podiam imaginar. “Nós tivemos infâncias parecidas, com o mesmo estilo de família e casa”, revelou

Eram duas das pessoas mais comentadas em Hollywood, numa altura em que os tabloides ganhavam cada vez mais popularidade. Serem acompanhados pelos paparazzi tornou-se algo rotineiro.

A perseguição mediática acabou por inspirar o videclipe de “Jenny from the Block”, um dos maiores êxitos da carreira de JLo, lançado em 2002. Ali, víamos o casal a fazer tarefas comuns do dia a dia, como meterem gasóleo no carro, enquanto lhes tiravam fotografias.

“Nunca quisemos ter uma relação pública. Mas começamos a namorar numa altura em que estas publicações ganhavam mais força. Estávamos sob muita pressão”, revelou à “People”.

O circo mediático à sua volta acabou por ser a razão pela qual terminaram o noivado em janeiro de 2004, semanas antes da grande cerimónia. “Foi uma altura muito dolorosa. Quando cancelámos tudo, o meu coração estava despedaçado e sentia genuinamente que ia morrer. Entrei numa espiral descendente nos anos seguintes em que não parecia fazer nada corretamente”, disse, em 2022, à “Vanity Fair”. Apesar de tudo, sabia que “continuava a haver muito amor entre os dois”, algo que se comprovou futuramente.

Em 2020, quando ainda não tinham reacendido a chama, Affleck — que nessa altura já estava divorciado a ex-mulher e atriz Jennifer Garner há cinco anos — elogiou o trabalho da artista em “Hustlers”, afirmando que devia ter sido nomeada a um Óscar pelo papel. “Continuo a falar esporadicamente com a Jennifer, tenho respeito-a imenso. Quão incrível é ela ter tido um dos maiores filmes da sua carreira aos 50 anos?”, sublinhou ao “New York Times”.

Em janeiro do ano seguinte, uns meses antes de começarem a namorar mais uma vez, o ator refletiu sobre a atribulada relação com a norte-americana. “As pessoas eram muito nojentas, sexistas e racistas. Partilhavam coisas selvagens sobre ela. Se algo assim fosse publicado atualmente, quem o escreveu seria despedido imediatamente”, revelou no podcast “Awards Chatter”, da “The Hollywood Reporter”

Lopez divorciou-se de Alex Rodriguez em abril de 2021. Pouco depois, começou a passar mais tempo com Affleck, mas sempre sem oficializar que tinham voltado. “São amigos e nada mais. Divertem-se juntos e estão a aproveitar para pôr a conversa em dia. Vão estar juntos mais vezes”, contou uma fonte próxima do casal à “People”.

A confirmação viria pouco tempo depois, em julho. Numa publicação do Instagram, onde incluiu diferentes fotografias, adicionou uma, mesmo no final do carrossel, onde víamos Bennifer a dar um beijo — algo inédito em cerca de 15 anos.

Volvido um ano após o reencontro, em abril de 2022, as notícias foram outras: estavam noivos mais uma vez. A informação foi partilhada pela cantora através da sua newsletter, acompanhando a imagem de um anel com um diamante verde.

Em julho de 2002 casaram. A primeira cerimónia decorreu em Las Vegas, a 16 daquele mês. “A melhor noite da minha vida”, escreveu numa mensagem aos seguidores.

Sabiam que um momento importante como aquele merecia uma celebração maior, e não apenas com os filhos do casal. Foi por isso que, no verão, tiveram um evento para os amigos e família em Georgia (EUA).

A lista de convidados incluía nomes como Matt Damon (o melhor amigo de Ben), Kevin Smith (que criou o termo Bennifer durante as gravações de “Jersey Girl”, onde ambos contracenavam), Jason Mewes, o agente Patrick Whitesell, entre muitos outros. A noiva usou um vestido da Ralph Lauren com uma abertura nas costas e uma cauda dramática com detalhes de folhos. Ele, um blazer branco, calças pretas e laço ao pescoço.

“O amor verdadeiro existe e algumas coisas duram para sempre. Quero passar esta mensagem ao mundo, e é preciso alguma vulnerabilidade para o fazer”, diz Jenny à “People”. “Quando regressou à minha vida e aconteceu o mesmo que da primeira vez: senti-me inspirada e assoberbada pelas emoções e pelo amor que sinto por ele”, conclui.

Carregue na galeria para conhecer as séries (e regressos) que chegaram em fevereiro às plataformas de streaming e à televisão.  

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT