Cinema

Todos os anos, Gary Sinise leva milhares de crianças à Disney World

O ator é um dos maiores apoiantes dos militares em Hollywood e criou mesmo uma fundação para ajudar os veteranos.
Sinise criou uma fundação com o seu nome

A era dos seus maiores êxitos ficou perdida nos anos 90. Foi uma das caras do eterno “Forrest Gump”, brilhou em “Apollo 13” e “Resgate”. Hoje, é mais conhecido pelo papel de Mac Taylor em “CSI Nova Iorque” mas, mais do que isso, é reconhecido pelos milhares de crianças que todos os anos ajuda a visitarem a Disney World.

Sinise, hoje com 67 anos, representou o Tenente Dan no filme oscarizado que teve como protagonista Tom Hanks. A figura militar tornou-se querida entre os veteranos, sobretudo porque Sinise é uma espécie rara em Hollywood, um assumido conservador republicano, fervoroso apoiante das forças armadas.

Essa afinidade levou a que o ator criasse, em 2011, a Fundação Gary Sinise, com o objetivo de “apoiar e honrar todos os militares, socorristas e as suas famílias”. Segundo o ator, o desejo de criar a fundação começou a formar-se imediatamente após os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001.

“Comecei a dedicar muito do meu tempo a apoiar os homens e mulheres que chegaram primeiro ao local”, escreve. Recorda também os veteranos da sua família — Sinise, para lá de ter retratado um militar em “Forrest Gump”, nunca fez serviço militar — e prometeu tornar-se muito mais ativo no apoio dos que “defendem o país”.

Uma das iniciativas criadas pela fundação é precisamente uma chamada Snowball Express, dirigida aos filhos dos militares mortos em serviço. O evento teve lugar, pela primeira vez, em 2017. Em 2018, no entanto, começou a grande tradição de levar, anualmente, mais de mil crianças até à Disney World, em Orlando, no estado da Florida.

“A cada dezembro, organizamos uma experiência de cinco dias para mais de 1750 crianças, filhos e filhas de militares falecidos, mas também para os pais ou cônjuges desses militares”, revela a fundação. O evento repete-se anualmente com uma pausa inevitável provocada pela pandemia, que deu origem a um Snowball Express especial, realizado de forma virtual — mas não menos entusiasmante.

Sinise reuniu, numa videochamada, uma série de atores e personalidades que puderam conversar com com as crianças: Tom Hanks, Tim Allen, Steve Buscemi, Matthew McConaughey, Gordon Ramsay, Kristen Bell, Simone Biles, Caeleb Dressel e Jordan Chiles. Houve ainda espaço para Idina Menzel interpretar o tema “Show Yourself” de “Frozen”. O apoio dado pelo ator às crianças não se cinge aos eventos natalícios. “Fazemos eventos comunitários durante todo o ano para estas famílias, de jogos de baseball a experiências noutros locais”, refere a fundação.

Um dos momentos de animação é dado precisamente por Sinise e a sua banda, o Lt. Dan Band, uma banda de covers que atua em eventos de apoio e angariação de fundos para veteranos.

2022 será o ano do regresso das crianças à Disney World com toda a despesa a ser paga por Sinise e a sua fundação.

Além de ser uma espécie rara numa Hollywood maioritariamente democrata, Sinise mostrou ser também um outro tipo de republicano. Foi uma das vozes contra Donald Trump, a quem nunca deu o seu apoio, sobretudo depois das críticas do ex-presidente ao seu concorrente nas primárias, John McCain, um antigo herói de guerra. Trump negou considerá-lo como um herói porque “foi capturado pelo inimigo”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT