Música

“Erro informático” não permite saber os resultados dos eventos-teste de abril e maio

Os quatro eventos ocorreram em três cidades portuguesas: Lisboa, Coimbra e Braga.
Os eventos-teste ocorreram em abril e maio.

O desejo para regressar à normalidade é cada vez maior. Com o intuito de definir “novas orientações técnicas” para os próximos eventos, como os festivais de verão, o governo juntou-se à DGS e à Cruz Vermelha Portuguesa para realizarem quatro eventos-pilotos em Coimbra, Braga e Lisboa.

Para se assistir aos espetáculos, só era necessário apresentar um teste antigénio negativo. Já mais de um mês se passou desde os testes e ainda não foram anunciados quaisquer tipos de resultados. Nem pelo governo, nem pela DGS.

Em conversa com o Expresso, Álvaro Covões, diretor-geral da promotora de espetáculos Everything is New, revelou que a DGS informou as associações de espetáculo que participaram no teste que os resultados ainda não saíram graças a um “erro informático”.

“O que nos foi inicialmente pedido pelas autoridades de saúde foi para enviarmos um ficheiro com o nome e o número do cartão de cidadão de cada participante nos eventos-piloto. Fizemos isso. Depois a Direção-geral da Saúde disse-nos que houve um problema com o informático e que afinal era necessário o número de utente dos espectadores.”

Álvaro confessa também que atualmente os resultados de pouco servem. “Quando foram planeados era para encontrar soluções para salvar o verão. Mas a partir do momento em que foi anunciado que até 31 de agosto não há festas nem romarias e que os espetáculos são equiparados a casamentos, os eventos-piloto não têm interesse nenhum.”

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT