Subscreva a nossa newsletter para receber as melhores sugestões de lifestyle todos os dias.

Livros

Livraria icónica de Nova Iorque em risco de fechar faz apelo — resposta é avassaladora

Devido à pandemia do novo coronavírus, e a uma queda brutal de faturação, a Strand Bookstore emitiu um alerta desesperado.
Fica em Greenwich Village.

A Strand Bookstore nasceu em 1927, em Greenwich Village, Nova Iorque. É conhecida pelas suas “18 milhas de livros” (cerca de 29 quilómetros) e é a última de 48 livrarias que outrora existiam na 4th Avenue.

Com a pandemia do novo coronavírus, as ruas de Nova Iorque estão desertas, por isso, não há clientes nas mais variadas lojas da cidade. O espaço de Nancy Bass Wyden, neta do fundador da Strand Bookstore, deparou-se com a forte possibilidade de ser obrigada a fechar as portas da última livraria da avenida.

Numa última tentativa de salvar a loja de família, enviou um pedido de ajuda através do Twitter. “Pela primeira vez em 93 anos da história da Strand, precisamos de mobilizar a comunidade a comprar livros para podermos manter as portas abertas até que haja uma vacina.”

A resposta dos clientes foi avassaladora. 25 mil encomendas em apenas uma semana, levando o próprio site da livraria a ir abaixo diversas vezes, e resultando em aproximadamente 200 mil dólares (171 mil euros) de receita. “Acredito mesmo que não somos só uma livraria. Acho que somos um lugar de descoberta e um centro comunitário. Quando eu pedi ajuda e os nossos clientes responderam de forma tão rápida, foi muito comovente”, afirmou a proprietária em entrevista ao “Washington Post”.

No entanto, o espaço não está totalmente a salvo, devido à grande quebra financeira que sofreu nos últimos meses. Mas Wyden não está disposta a desistir: “Tento imaginar o que o meu pai e avô fariam neste momento, depois de passarem seis dias por semana durante toda a vida a trabalhar na loja. Não acredito que eles quisessem que eu desistisse sem dar luta.”

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT