Livros

Esta cidade portuguesa pendurou 900 livros nas árvores (para qualquer pessoa levar)

Foi uma iniciativa para promover a leitura e assinalar o Dia Mundial do Livro, que se celebrou na sexta-feira passada.
Aconteceu em Mirandela.

Na sexta-feira, 23 de abril, celebrou-se o Dia Mundial do Livro. Para assinalar a data e promover a leitura, a Câmara Municipal de Mirandela lançou uma iniciativa original. A autarquia pendurou 900 livros em árvores de todo o concelho — e qualquer pessoa pode levar um exemplar para casa.

“Esta atividade surge como uma forma simples e gratuita de acesso à leitura, através de um ato simbólico de ‘colher’ cultura e informação, elementos considerados fundamentais no processo educativo”, diz a autarquia, citada pela Agência Lusa, via Sapo.

Os livros fazem parte do espólio da Biblioteca Municipal de Mirandela e são títulos para várias idades e gostos literários. Trata-se de uma iniciativa realizada em conjunto com as 30 freguesias do concelho do distrito de Bragança.

No ano passado, a câmara municipal já tinha feito algo do género, colocando 150 livros à disposição dos habitantes que passassem pelos jardins do Mercado Municipal, Parque do Império e zona pedonal da Rua da República.

A autarquia defendeu ainda que, nesta fase difícil de pandemia, “um livro pode tornar-se uma excelente companhia, não só para os mais idosos, mas também para o público em geral”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT