Livros

A nova biblioteca comunitária da Margem Sul está dentro de uma cabine telefónica rosa

Para celebrar o Dia Mundial da Leitura, o Alegro Montijo instalou uma biblioteca instagramável onde pode trocar um livro por outro.
É muito instagramável.

Trocar um livro por outro. É este o conceito da biblioteca comunitária que se instalou esta terça-feira, 23 de abril, no Alegro Montijo, por ocasião do Dia Mundial da Leitura. Com o lançamento da Book Booth, uma biblioteca comunitária (e instragramável), o centro comercial, com o apoio da FNAC, pretende incentivar à leitura e circularidade dos livros.

A partir desta terça-feira, 23 de abril, os visitantes vão poder encontrar uma cabine telefónica semelhante às que se encontram em Londres, com duas grandes diferenças.. A primeira é que está pintada de cor-de-rosa. A segunda é que no seu interior não se encontra nenhum telefone, mas sim uma série de livros. 

A biblioteca comunitária está ao serviço de todos e incentiva os visitantes de todos os gostos literários e idades a entregar livros que já não querem e levar outros que tenham interesse em ler. Esta cabine telefónica pode ser encontrada junto ao Balcão de Apoio ao Cliente e a troca funciona de forma muito simples: basta entregar um livro e escolher e requisitar outro para levar.

A biblioteca.

Não se aceitam, contudo, manuais escolares, jornais e revistas, dicionários, enciclopédias e atlas. Os livros devem estar em bom estado de conservação (sem riscos, sem rasuras ou falta de páginas) e o limite de troca é até cinco obras.

“Este é um serviço que está 100% alinhado com os valores do Alegro Montijo, na escuta ao território e na promoção de laços comunitários, através de ações que permitem aos nossos visitantes usufruir do espaço não só compras e lazer, como também para encontrarem serviços complementares, como é o caso da nossa nova biblioteca comunitária”, afirma Teresa Sousa, Territory Director do Alegro Montijo.

Áudio deste artigo

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT