Livros

Há um atlas que conta a história da Almirante Reis, em Lisboa

Tem perspetivas geográficas e históricas, análise arquitetónica e dados inéditos sobre uma das principais avenidas da cidade.
Recentemente, recebeu uma ciclovia.

Além de ser uma das mais extensas avenidas de Lisboa, é também uma das mais diversas e das menos estudadas. Um novo livro pretende mudar isso, ao tornar-se o primeiro grande altas sobre a Avenida Almirante Reis. 

“A intenção foi mapear a avenida sem perder a ligação ao contexto da cidade como um todo. Da reflexão sobre a sua diversidade apurámos o título, simples e englobador: atlas, o que queremos dar a ver, o que foi mapeado, e o topónimo Almirante Reis, que tanto pode referir-se à avenida como às suas zonas envolventes ou ao que está mais ambiguamente nos interstícios”, pode ler-se na introdução do livro. 

A Avenida Almirante Reis é uma das principais artérias de ligação entre a cidade da segunda metade do século XX e a Baixa de Lisboa. Este local é uma via com caraterísticas únicas, onde numa só linha de expansão é possível ver as várias épocas de crescimento urbano de Lisboa. O atlas está dividido em quatro partes, que por sua vezes se dividem em  plantas desdobráveis.

Já está disponível.

O livro foi lançado neste mês de setembro e conta com a organização de Filipa Ramalhete, Margarida Tavares da Conceição e Inês Lobo —  o prefácio é responsabilidade de Raquel Henriques da Silva. Ao longo de 256 páginas vai poder conhecer um pouco mais sobre esta avenida icónica. O atlas já está à venda por um preço promocional de 28€, com os portes grátis, no site da editora Tinta da China

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT