Música

24 milhões por uma hora de Beyoncé — a loucura árabe que fez a cantora voltar aos palcos

Há quatro anos que a artista não atuava ao vivo. Cedeu para a inauguração de um novo hotel super luxuoso no Dubai.

Beyoncé voltou aos palcos e não o fez sozinha. Ao palco instalado no Atlantis The Royal, no Dubai, subiu acompanhada da filha de 11 anos, Blue Ivy, com quem interpretou o tema “Brown Skin Girl”.

O espetáculo, que, segundo fontes presentes, durou pouco mais de uma hora, era altamente restrito. A plateia estava recheada de convidados — o marido Jay-Z, claro, bem como toda a família —, influencers, celebridades, tudo para presenciar um evento único onde as câmaras estavam proibidas.

O concerto terminou com o tema “Drunk In Love”, enquanto atrás de Beyoncé chovia fogo de artifício. Nesta inauguração, nunca se ouviu falar na palavra poupança, a começar pelo cachê da protagonista principal: a cantora norte-americana terá recebido 24 milhões de euros pelo espetáculo.

Beyoncé também deu nas vistas pelos seus outfits, nomeadamente vestidos criados por artistas locais: um amarelo do Atelier Zuhra e um vermelho assinado pelo libanês Nicolas Jebran. Os convites para o evento luxuoso chegaram a todo o mundo. Presentes na cerimónia estiveram também Kendall Jenner, Bar Refaeli ou Ellen Pompeo.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT