Música

Após a morte do baterista, Foo Fighters cancelam digressão que passava por Portugal

A banda irá tirar um tempo "para apreciar a música e as lembranças que criamos juntos". Iam atuar a 18 de junho no Rock in Rio.
A banda está de luto.

Após a morte trágica do baterista Taylor Hawkins, os Foo Fighters anunciaram, na tarde desta terça-feira, 29 de março, o cancelamento de todos os concertos agendados. 

“Sentimos muito por não nos vermos como planeado. Vamos usar este tempo para fazer o luto, para recuperar, ficarmos próximos das pessoas que mais amamos e para apreciar a música e as lembranças que criamos juntos”, diz a nota publicada no Instagram.

 

Na sequência da comunicação feita pela banda, o Rock in Rio confirma o cancelamento do concerto dos Foo Fighters, agendado para o dia 18 de junho de 2022 na Cidade do Rock.

Em comunicado a organização do festival afirma que “respeita a decisão da banda, que à luz dos recentes acontecimentos tomou a decisão de suspender as suas digressões, e está solidária com a família, amigos e fãs dos músicos”. E sublinha que “levará a cabo todos os esforços para anunciar o quanto antes um novo cabeça de cartaz para a 9.ª edição do festival”. Nessa altura” será dada a possibilidade aos fãs de manterem o seu bilhete ou solicitarem o reembolso”, explicam.

A morte repentina do baterista dos Foo Fighters, na passada sexta-feira, 26 de março, chocou o mundo da música. O músico foi encontrado sem vida no seu quarto de hotel em Bogotá, na Colômbia, onde iria atuar com a banda num festival de música.

De acordo com os primeiros exames toxicológicos, Taylor Hawkins, de 50 anos, teria mais de 10 substâncias no seu sistema, no momento da morte — o que não significa necessariamente que possam estar ligadas à causa da morte. A análise à urina indicou a presença de antidepressivos, marijuana e opióides.

Hawkins tinha um passado ligado às drogas. Em 2001, a meio de uma digressão, sofreu uma overdose em Londres, onde ficou em coma durante duas semanas. Curiosamente, um dos concertos cancelados na sequência do acidente teria lugar em Portugal, no extinto festival da Ilha do Ermal, onde seriam também cabeças de cartaz.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT