Música

Dino D’Santiago e Miguel Araújo vão dar concertos gratuitos pelo Alentejo fora

A segunda edição do Alentejo Encantado começa a 11 de maio e tem lugar em locais únicos de localidades como Cuba ou Vidigueira.
Dino D'Santiago é o primeiro a atuar.

Dino D’Santiago, Miguel Araújo, Nena, Bárbara Tinoco e Jorge Palma são os artistas que vão atuar na segunda edição do Festival Alentejo Encantado. Esqueça os palcos: nesta festa, os concertos têm lugar em locais icónicos de diversas localidades alentejanas. 

Os espetáculos vão acontecer nos monumentos de Alvito, Cuba, Portel, Viana do Alentejo e Vidigueira. O festival realiza-se entre 11 e 31 de maio — e a entrada é gratuita.

Dino D’Santigo é o artista que vai abrir as portas do festival em Viana do Alentejo, com Jorge Palma a fechar o evento em Cuba no dia 31. Entretanto a cantora Nena estará em Vidigueira no dia 24 e, no dia seguinte, vai ser a vez de Bárbara Tinoco atuar em Portel. Apesar de gratuito, os lugares são limitados de acordo com as características dos espaços. Ainda não foram revelados os locais exatos das atuações.

“Criar concertos únicos, num formato intimista, em que, associado à performance de cada artista, se aposta na valorização cénica do espaço e de cada monumento” é o desafio proposto aos artistas pela Associação de Municípios do Alentejo Central (AMCAL). 

A primeira edição, em 2023, também contou com a presença de vários artistas portugueses nas mesmas localidades do Alentejo. Começou com Diogo Piçarra no largo da igreja Matriz em Alvito. Os espetáculos seguintes foram com atuações de Pedro Abrunhosa no largo D. Nuno Álvares Pereira em Portel e Carolina Deslandes no Castelo de Viana do Alentejo. António Zambujo terminou o festival com dois concertos, o primeiro no largo da igreja Matriz em Cuba e por fim, na vila Romana de S. Cucufate.

No ano passado a principal missão esteve relacionada com a gestão ambiental por causa do importante investimento de oito milhões de euros com a construção da Central de Valorização Orgânica da AMCAL. Mesmo com esta preocupação, não deixaram para trás o objetivo de valorizar a cultura do Alentejo com “concertos únicos, em lugares únicos”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT