Música

Festival de música eletrónica regressa ao Porto com 20 artistas em cartaz

Moullinex, David Moreira, DJ Koze e Francesco Del Garda são alguns dos nomes que vão atuar no Elétrico.
Imperdível.

Há muito que o verão em Portugal não é apenas sinónimo de sol, praia e mar. Desde a década de 90, altura em que foi resgatado o Festival Vilar de Mouros, todos os anos surgem novos eventos que combinam música com férias. Um deles começou em 2018, no Porto. Chama-se Elétrico e segue firme, para alegria dos fãs dos ritmos eletrónicos. A próxima edição arranca a 1 de julho e estende-se até ao dia 3.

Durante estes três dias, 20 artistas, entre nomes nacionais e internacionais, vão proporcionar quarenta horas de música a todos os que passarem pelo Parque da Pasteleira, avança a revista “Time Out”. David Moreira, DJ Koze, Francesco Del Garda, Maria Callapez (live), Seth Troxler e Tiago Carvalho atuam logo na sexta-feira, dia 1. Já Catarina Silva, Diana Oliveira, KiNK, Priku, Raresh e Roza Terenzi são os responsáveis por pôr toda a gente a dançar no sábado. Floating Points, Klin Klop (live band), Kruder & Dorfmeister (DJ set), Luisa, Moullinex e Rui Vargas terminam a festa no domingo.

Pelo meio, haverá dezenas de outras atividades com as quais se pode entreter. Além de participar em sessões de meditação, ioga, ecstatic dance ou meditação sonora; poderá, por exemplo, explorar a feira de arte do festival; ver street artists pintar as vedações do recinto e apreciar as dez instalações de peças fotográficas.

O bilhete diário custa 35€ e o passe geral para os três dias fica por 65€. Até aos 12 anos, a entrada é livre.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT