Música

Gipsy Kings, Ana Moura, The Gift e outros concertos à borla este fim de semana

Entre sexta-feira, 21 de junho, e domingo, 24, há vários espetáculos gratuitos de norte a sul do País.
Estão de volta a Portugal.

A Junta de Freguesia de Benfica anunciou que o tão aguardado arraial dos Santos Populares ia contar com uma atuação muito especial de um grupo internacional. A promessa será cumprida este fim de semana: no sábado, 22 de junho, vai poder assistir ao concerto dos Gipsy Kings — sem pagar, claro.

O famoso grupo é conhecido por temas como “Volare”, “Bamboléo” e “Djobi, Djoba”, além de versões em castelhano de temas como “My Way” de Frank Sinatra e “Hotel California” dos Eagles. 

O cartaz do evento conta com muitos artistas, desta vez portugueses, como Bárbara Bandeira e Quim Barreiros, que marca sempre presença nestas festas populares.

Se o seu estilo de música predileto é o rock, poderá assistir no sábado à atuação dos GNR na Festa 37.20, que decorre em Oliveira de Azeméis. O conjunto é dono de inconfundíveis êxitos do cânone da música pop portuguesa, como “Dunas”, “Ana Lee”, “Efectivamente”, “Morte ao Sol”, “Mais Vale Nunca” ou “Pronúncia do Norte”. 

Veja agora os vários outros concertos grátis que poderá ver este fim de semana, de norte a sul do País.

Gispy Kings

O icónico grupo de rumba flamenca vai apresentar a 22 de junho, no Arraial de Benfica, alguns dos maiores hits da carreira, nomeadamente “Volare”, “Bamboléo” e “Djobi, Djoba”, além de versões em castelhano de temas como “My Way” de Frank Sinatra e “Hotel California” dos Eagles.

Nesta décima edição do evento haverá ainda marchas, atuações de tunas académicas e, claro, bancas com petiscos e copos. Não vão faltar os bailaricos pela noite dentro, sardinhas na brasa, bifanas e manjericos.

Calema

Os irmãos Fradique e António Mendes Ferreira, naturais de São Tomé e Príncipe, atualmente com 35 e 30 anos, iniciaram a sua carreira musical muito cedo, incentivados pelos pais. Quando se mudaram para Portugal começaram a gravar covers. A seguir, tentaram a sorte em França, onde chegaram a participar no “The Voice”. Acabaram por regressar a Portugal, onde se tornaram um dos grupos mais populares da última década.

Com mais de 15 anos de carreira, os Calema alcançaram feitos impressionantes em Portugal. Graças a temas como “A Nossa Dança”, “Tudo Por Amor” e “Vai” já somam mais de dez milhões de visualizações no YouTube, bem como inúmeros concertos esgotados.

Terá oportunidade de ouvir estes e outros hits dos irmãos Mendes Ferreira no concerto agendado para dia 22 de junho, nas Festas do Concelho de Calheta.

David Carreira

É um dos artistas portugueses mais influentes da sua geração. Filho do cantor Tony Carreira, conseguiu estabelecer o seu próprio nome no cenário musical nacional e internacional. Iniciou a sua carreira, em 2011, com o álbum “N.1”, que ganhou popularidade e liderou os tops de vendas nacionais. 

O seu mais recente trabalho, chamado “9”, inclui colaborações com artistas como SYRO, Soraia Ramos, Djodje, Chelsea Dinorath, Gustavo Mioto, Carol Biazin, Bluay e Juliette. O disco também nos trouxe “Coração”, uma faixa muito comovente em homenagem a Sara Carreira. David vai atuar a 22 de junho no São João de Braga

The Gift

É impossível ouvirmos “Primavera” e “Fácil de Entender”, dos The Gift, sem começarmos a cantar emocionados. Se quer ouvir ao grupo ao vivo e não na rádio, vai gostar de saber que os músicos vão dar um concerto gratuito nas Festas da Figueira da Foz a 23 de junho.

O alinhamento deverá incluir temas de “Coral”, o mais recente disco lançado em 2022. O projeto trouxe canções como “Um Lamento”, “Adágio”, “O Regresso” e “The Girl Next Door”.

Pedro Mafama

Foi um dos maiores artistas de 2023 graças ao fenómeno “Preço Certo”, que já foi visto mais de 15 milhões de vezes no YouTube. Foi também a faixa portuguesa mais ouvida no Spotify durante largas semanas.

Este ano, apresentou “Estava No Abismo Mas Dei Um Passo Em Frente 2.0”, uma versão alargada do disco editado no ano passado. Com este trabalho vieram novos temas para os fãs gritarem, nomeadamente “Vida Airada” e “Sem Ti”.

Vai atuar a 21 de junho nas Festas de São João de Figueiró dos Vinhos.

Ana Moura

O estilo musical de Ana Moura é único em Portugal, visto que junta o fado à eletrónica. Também começa a ser um sucesso além-fronteiras e, ainda este mês, lançou um remix de “Força” ao lado de Nelly Furtado.

O seu último álbum foi lançado em 2022. “Casa Guilhermina” apresentou o single “Andorinhas”, que se tornou um dos maiores êxitos da discografia da artista, além de canções como “Lá Vai Ela”, já lançado em 2023, e “Desfado”, de 2012.

A cantora dará um concerto gratuito a 22 de junho nas festas de São João no Porto.

GNR

Neste sábado, 22 de junho, vai poder assistir ao espetáculo na Festa 37.20 de Oliveira de Azeméis. O conjunto é dono de inconfundíveis êxitos do cânone da música pop portuguesa, como “Dunas”, “Ana Lee”, “Efectivamente”, “Morte ao Sol”, “Mais Vale Nunca” ou “Pronúncia do Norte”. Os GNR, atualmente, apresentam-se ao vivo com Rui Reininho, Toli César Machado, Jorge Romão, Rui Maia e Samuel Palitos.

O grupo formado em 1980 durante o “boom do rock português” tornou-se numa das mais populares e influentes bandas do nosso País. Apesar de terem começado num registo mais post-punk, com o ex-vocalista Alexandre Soares a vociferar malhas como “Portugal na CEE” ou “Sê Um GNR”.

A entrada de Rui Reininho, em 1981, para os vocais e na composição, levou à introdução de um humor e sarcasmo nas letras. Com uma discografia que conta com trabalhos como “Independança” (1982), “Psicopátria” (1986) ou “Rock In Rio Douro” (1992), o grupo afirmou-se como um dos mais bem-sucedidos conjuntos nacionais.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT