Música

Há música e cinema ao ar livre nas noites de verão no jardim do Palácio Pimenta

Há muito por onde escolher nos dias 6,13,20 e 27 de julho. Convide a família e passe um fim de dia diferente.
Organize bem os planos.

No centro das atenções do jardim do Museu de Lisboa – Palácio Pimenta, no Campo Grande, estão os pavões que lá vivem. Este espaço aprazível para os dias quentes passa a ter agora uma nova atração: música e cinema ao ar livre em julho, a partir das 19 horas, com entrada gratuita. As datas são 6, 13, 20 e 27 de julho.

O programa tem início com um concerto ao vivo de Luís Represas, fundador dos Trovante, em 1976. O seu álbum mais recente, “Miragem”, com nove temas divulgados em fevereiro deste ano, será tocado. Às 21h30, será exibido o filme “O Fantasma da Liberdade” (1974), que conta a história de um criado que prefere a leitura às suas responsabilidades com os miúdos dos seus patrões Foucault.

No dia 13 de julho, haverá outro concerto com um DJ set do O Clube Do Cool e da Cafeína, com ritmos de jazz e soul. Será exibido o filme “Lobo e o Cão” (2022), de Cláudia Varejão.

O Club Makumba, com guitarra, bateria, saxofone, baixo e contrabaixo, continuará a programação. Estarão também em exibição as curtas-metragens “O trabalho liberta?” e “25 de abril – Uma Aventura para a Demokracya”, de Edgar Pêra.

No último dia, 27 de julho, haverá um espetáculo com Kwenda Lima, apresentando um ritual (Sam Yaay) com música e movimentos corporais acompanhados por percussão. A última longa-metragem a ser exibida será “No Intenso Agora” (2017), de João Moreira Salles.

O Palácio Pimenta está localizado no número 245 do Campo Grande e é mais conhecido como Museu da Cidade. Foi construído na primeira metade do século XVII, nas ruínas de uma antiga quinta senhorial. Após o terramoto, várias famílias arrendaram o espaço, dando origem ao nome atual pela associação ao último proprietário.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT