Música

Hot Five Jazz & Blues, no Porto, encerra definitivamente por causa da pandemia

É um dos clubes mais antigos da cidade que ainda estavam no ativo. Foi aberto em 2006 e fechou em março de 2020, para nunca mais abrir.
É mais uma vítima da pandemia.

É mais uma vítima da pandemia. O Hot Five Jazz & Blues, um dos clubes musicais no ativo mais antigos do Porto, vai encerrar definitivamente. Foi inaugurado em 2006 e fechou em março de 2020, quando os primeiros casos de Covid-19 foram detetados em Portugal, para nunca mais abrir.

Segundo o “Observador”, foi através das redes sociais que o responsável, o músico Alberto Índio, anunciou a decisão. “Fica aqui esta imagem daquele que foi durante as últimas décadas o clube de música ao vivo de referência do Porto e talvez do país! O legado continuará”, escreveu no Facebook.

“Tive de o vender a um grupo hoteleiro, a pandemia não deixou outra alternativa. O governo não dá apoios a este setor nem previsões para poder reabrir”, acrescentou ainda Alberto Índio em declarações ao mesmo jornal.

O ambiente do Hot Five Jazz & Blues era clássico: a meia luz, com cadeiras e mesas em ferro escuro, cobertas de vermelho. Nas paredes estavam retratos de algumas das principais figuras do jazz e do blues americano.

Contudo, este não é o fim de todo o projeto. Em 2019, Alberto recuperou o antigo cinema Nun’Álvares e transformou-o no Hot Five Jazz & Blues Club — Uptown, que vai continuar a existir.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT