Música

Já sabemos quem vai atuar no arraial do Pride — o mais colorido de Lisboa

A primeira edição aconteceu em 1997, quando o ativismo LGBTQ+ começou a ganhar força no País. Agora decorre no Terreiro do Paço.
Decorre a 22 de junho.

Após várias semanas de espera, a organização do Arraial Lisboa Pride anunciou os artistas vão atuar naquela que é uma das festas mais coloridas da capital. O cartaz foi revelado esta quarta-feira, 12 de junho.

VertGum, Bejaflor, MC Falcona, Sapatrux, DJ Caring, um espetáculo de Ballroom, DJ set de Didi, Almada Guerra, Deize Tigrona e um espetáculo especial da Casa T serão os espectáculos agendados para dia 22 de junho, entre as 16 horas e as duas da manhã.

Blaya foi a cabeça de cartaz na edição passada. Também atuaram nomes como Alex D’Alva, Judas, Larasoft, Trypas Corassão, Curvs, Ornella e Peperan.

O arraial acontece sempre em junho. Isto porque foi naquele mês que se desenrolou a revolta de Stonewall, nos Estados Unidos, a 28 de junho de 1969. Nessa data, a polícia invadiu um bar de Nova Iorque (o Stonewall Inn) disposta a prender os clientes — a maioria homossexuais —, mas a comunidade reagiu e protestou, iniciando um dos primeiros movimentos ativistas sobre o tema. Assim nasceu o chamado mês do orgulho.

A primeira edição aconteceu em 1997, no Jardim do Príncipe Real, numa altura em que o ativismo LGBTQ+ começou a ganhar força. “Neste momento social e político tão complexo, o Arraial Lisboa Pride adquire um papel não só de celebração, mas também de ocupação de espaço público e de educação e sensibilização para todas as pessoas que queiram participar. Nunca é demais frisar que o evento é aberto a todas as pessoas, pertençam elas às comunidades LGBTI+ ou não”, explica Daniela Bento, presidente da ILGA Portugal, associação que organiza o evento.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT