Música

Memes, campanhas e piadas. O Croquetegate é a nova obsessão das redes sociais

Sónia Tavares é a principal protagonista destas criatividades que não param de ser lançadas. A NiT escolheu as mais engraçadas.
Momentos de humor.

É um dos temas mais mediáticos dos últimos dias. A ideia de um croquete se tornar o protagonista do Rock in Rio até pode parecer absurda, mas tornou-se realidade. Tudo graças à polémica que envolveu Bárbara Guimarães e Sónia Tavares, que foram expulsas da área VIP do Rock in Rio por comerem à borla.

A vocalista dos The Gift revelou nas suas redes sociais que foi mesmo escoltada para fora da tenda VIP do festival, depois de ter tirado uma imperial e “um bocadinho de salada russa” do buffet, sem autorização. A artista de 47 anos estava no Parque Tejo, a fazer comentários para a SIC sobre o festival, quando foi obrigada a sair do recinto. O mesmo aconteceu com a apresentadora Bárbara Guimarães.

Sobre o sucedido, o Rock in Rio Lisboa já emitiu um comunicado: “A situação ocorrida na noite de 16 de junho na Área Vip do festival, envolvendo as comentadoras da emissão da SIC Caras Sónia Tavares e Bárbara Guimarães, que levou à retirada de ambas daquele espaço. A organização do evento lamenta o excesso de rigor e falta de sensibilidade da equipa no momento da abordagem a Sónia Tavares e Bárbara Guimarães.”

No entanto, a Internet não perdoa e as redes sociais encheram-se de momentos de humor graças à situação caricata. Após a revolta face à situação, vários artistas reagiram com humor, as marcas aproveitaram a deixa para campanhas de marketing e não faltam imagens cómicas.

Após a mudança de recinto para o Parque Tejo, que recebeu o Papa para a Jornada Mundial da Juventude, em agosto de 2023, várias das imagens mencionam a polémica mais antiga. “JMJ: Papa. RIR: Não Papa”, vê-se numa imagem com o controverso palco, numa alusão à proibição dos convidados que não são VIP comerem na área VIP.

Uma das imagens.

Uma das primeiras marcas a pegarem na situação foi o supermercado Lidl, que publicou um post na sua página de Instagram, ao final do dia desta segunda-feira, 17 de junho, na qual se pode ver a imagem de um croquete e uma cerveja. Na legenda estava escrito: “Vem buscar a tua combinação VIP, sem discussões ou expulsões”, numa referência ao facto de as artistas terem sido colocadas fora do recinto.

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por Lidl Portugal (@lidlportugal)

A organização do Rock no Rio Febras, veteranos nas polémicas com o Rock in Rio, reagiu com humor. “Odiamos polémicas”, começam por escrever numa publicação nas redes sociais, com as hashtags “croquetes não se negam a ninguém” e “ainda há espaço para os The Gift”.

O evento, que foi obrigado a mudar de nome devido à semelhança entre a designação dos dois festivais, partilhou ainda a imagem de um menu onde, além das típicas febras, bifanas, bifanas vegan, pão com chouriço e caldo verde, adicionaram os croquetes.

A brincadeira do Rock no Rio Febras.

No dia do primeiro jogo da Seleção Nacional, a página de humor Selada de Fruta fez uma montagem que, em poucas horas, somou milhares de partilhas. Na imagem, surge Sónia Tavares com o equipamento de Portugal, o punho levantado e o infâme croquete na boca, ao lado de Cristiano Ronaldo e Pepe — a morderem o mesmo petisco.

A mesma conta foi a responsável por um dos memes mais partilhados nas últimas horas. Trata-se de uma montagem na qual se dizem solidários com a cantora, que aparece com o dedo do meio levantado e dois croquetes espetados em cada um. “Eu comi um croquete”, lê-se na imagem.

Momentos de humor.

O drama também não passou despercebido ao Partido Livre, que recorreu ao X (antigo Twitter) para promover um evento político-cultural que vai acontecer em Leiria. “Estamos a oferecer croquete+imperial a todas as pessoas inscritas”, escreveram na publicação onde anunciam a terceira edição do rasga.

 

No que aos artistas diz respeito, muitos mostraram a sua solidariedade com Sónia Tavares e Bárbara Guimarães. É o caso dos Ena Pá 2000, que brincaram com a situação no Facebook, através da hashtag “SomosTodosSonias.

“Abraço solidário à Sónia. Também já me aconteceu uma(s) vez expulsarem do palco do meu próprio concerto só por ter bebido uma garrafa de whiskey que estava no camarim”, escreveu o grupo — ou, muito provavelmente, só Manuel João Vieira.

Seguiram-se os Glockenwise com a sua habitual sinceridade. “Nós fomos expulsos duas vezes do rock in rio mas estávamos de facto a fazer merda”, pode ler-se no tweet do grupo.

Com milhares de seguidores nas redes sociais, a página O Maior da Minha Aldeia juntou-se à festa. “Eu vou, mas eu vou jantado”, lê-se numa imagem, numa alusão ao slogan do festival. Postaram ainda uma imagem com dezenas de croquetes junto de um sinal da Guarda Nacional Republicana (GNR), onde brincam com a situação. No post, escreveram que Sónia Tavares foi detida após a situação.  “Após prestar o depoimento, Sónia foi liberada e agradeceu o apoio dos fãs nas redes sociais”, concluiram.

 

 
 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação partilhada por O MAIOR DA MINHA ALDEIA (@maior_da.minha_aldeia)

 

A página Insónias em Carvão adaptou uma pintura sobre a Expulsão do Jardim do Éden, adaptando-a à polémica. O rosto de Sónia Tavares surge no corpo de uma figura feminina agarrada a um homem com um croquete a substituir a cabeça.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Insónias em Carvão (@insoniascarvao)

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT