Música

O arquivo sonoro da cidade do Porto vai abrir este sábado

A inauguração da fonoteca municipal está marcada para 26 de setembro. Tem um acervo de cerca de 35 mil discos de vinil.
O espaço vai estar aberto ao público.

Vai ser inaugurada este sábado, 26 de setembro, a Fonoteca Municipal do Porto. Tem um acervo de cerca de 35 mil discos de vinil e vai funcionar em simultâneo como um arquivo sonoro da cidade e um espaço público de apreciação de música.

O projeto está integrado no complexo dos estúdios de gravação Arda Recorders, em Campanhã. Além do arquivo sonoro municipal há ali estúdios de gravação e de pós-produção de áudio, câmara de eco, finalizações musicais, restauro de suportes, áreas de lazer, e escritórios de várias empresas ligadas à música.

A partir deste sábado, qualquer pessoa pode visitar o arquivo desde que faça uma marcação prévia através do email fonoteca@nullcm-porto.pt ou do número de telefone 221 146 789. Cada visitante poderá ouvir música e conhecer o arquivo em sessões que duram, no máximo, uma hora.

Os discos são oriundos de duas doações feitas ao município do Porto por parte da RDP e da Rádio Renascença. A grande maioria são álbuns ou singles musicais, mas também há discos de poesia ou com discursos políticos gravados. A partir de 26 de setembro, o catálogo também estará disponível online.

A ideia é que a Fonoteca Municipal do Porto também possa apoiar diversos projetos, incluindo a produção de podcasts, artigos e mostras visuais acerca da coleção. No futuro, a ideia é acolher concertos, residências artísticas e visitas escolares.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT