Música

Ucrânia não vai poder acolher Eurovisão — festival poderá ser no Reino Unido em 2023

A decisão foi tomada esta sexta-feira pela organização do concurso europeu. Apesar da vitória daquele país na edição deste ano.
A Eurovisão regressa em maio de 2023.

A Ucrânia não vai poder receber o festival da Eurovisão em 2023, anunciou esta sexta-feira, 17 de junho, a European Broadcasting Union (EBU), entidade que organiza o concurso. Os ucranianos Kalush Orchestra, com o tema “Stefania”, foram os vencedores deste ano da iniciativa.

“O festival da Eurovisão é uma das produções mais complexas da televisão mundial, com milhares a trabalhar e a assistir ao evento e um tempo de preparação de 12 meses é necessário”, justificou a EBU, atendendo ao facto de a Ucrânia não estar preparada para organizar o evento numa situação de guerra e instabilidade, embora tivesse direito a acolhê-lo.

Sendo assim, o objetivo é que o festival aconteça no Reino Unido em 2023, uma vez que Sam Ryder, com a canção “Space Man”, ficou em segundo lugar na competição. “Como resultado desta decisão, de acordo com as regras e para assegurar a continuidade do evento, a EBU vai iniciar conversações com a BBC, para o Reino Unido — segundo classificado — potencialmente receber a Eurovisão em 2023”, explicou a EBU.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT