Música

Xutos & Pontapés celebram 45 anos de “rock à portuguesa” com concerto esgotado

Os 200 bilhetes disponíveis voaram em horas, mas a banda promete um novo espetáculo para breve.
Os Xutos vão celebrar os 45 anos de existência

A 13 de janeiro de 1979, os Delirium Tremens subiram ao palco do salão de baile dos Alunos de Apolo, em Lisboa. Nessa noite, Zé Pedro, Kalú, Tim e Zé Leonel tocaram quatro músicas inspiradas pelo punk-rock que entrava em força na cena musical estrangeira. O quarteto é agora conhecido como Xutos & Pontapés e celebra 45 anos este sábado.

Para assinalar a data, o grupo anunciou, na sexta-feira, 12 de janeiro, um espetáculo para 200 pessoas no bar Tokyo, em Lisboa. Os bilhetes esgotaram em poucas horas, mas ficou a promessa “de um concerto comemorativo de 45 anos a anunciar em breve onde todos possam estar presentes”.

O evento antecede a digressão “Olá, Vida Malvada”, que vai buscar o seu nome a uma faixa icónica do álbum “Circo de Feras”, lançado em 1987. O primeiro concerto da tourné está marcado para 13 de abril, em Guimarães. Os bilhetes já estão à venda na Meo Blueticket e custam 25€.

45 anos depois do concerto nos Alunos de Apolo, a banda continua a apostar no rock português. Lançou mais de uma dezenas de álbuns que continuam a ser ouvidos pelas centenas de fãs de diferentes gerações.

Mesmo depois da morte do guitarrista Zé Pedro, em 2017, a banda manteve-se ativa, em palco e em estúdio, com Tim (vocalista e baixista), João Cabeleira (guitarrista), Gui (saxofonista) e Kalú (baterista).

Carregue na galeria para conhecer os concertos mais aguardados de 2024.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT