Teatro e exposições

A exposição mais vista da National Geographic vai estar em Braga até 2022

"Photo Ark" foi criada em 2006 por Joel Sartore, que desde então já fotografou 11.700 espécies em vias de extinção.
São 81 fotografias no total.

“Photo Ark”, o projeto criado por Joel Sartore em 2006, é atualmente a exposição mais visitada de sempre da National Geographic. Ao longo dos anos, a mostra já passou por diferentes cidades de Portugal, como Lisboa, Porto e Vilamoura. Foi visitada por mais de 160 mil portugueses. Agora chega a Braga, entre 13 de agosto e 12 de janeiro de 2022, no Nova Arcada.

Esta mostra foi criada para documentar cada uma das mais de 12 mil espécies animais que vivem em cativeiro nos zoos e santuários selvagens de todo o mundo. A principal missão é sensibilizar as pessoas para que se preocupem com estes animais em vias de extinção.

A ideia de fotografar 12 mil espécies ainda não foi alcançada, mas já se encontra perto da meta, visto que Joel Sartore documentou até agora 11.700 espécies — algumas delas acabaram por se extinguir entretanto, com o passar dos anos.

No Minho vão ser apresentadas 81 fotografias de diferentes tipos de animais, todos num fundo preto ou branco, para realçar ainda mais as suas características. Joel Sartore é um parceiro de longa data da National Geographic, tendo-se juntado à revista há mais de 20 anos.

Caso queira ver “Photo Ark”, pode adquirir os bilhetes à entrada da exposição ou no TicketArt. Têm um preço de 5€ para adultos, 2€ para os miúdos entre os cinco e os 17 anos, 2,5€ para os séniores (mais de 65) e é de graça para todos aqueles com menos de cinco anos. Pode também comprar o bilhete de família para dois adultos e dois filhos até aos 17 anos por 13€.

“Photo Ark” está aberta durante os dias da semana das 14 às 20 horas. Durante o fim de semana, o horário estende-se do meio-dia às 20 horas.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT