NiTcom

Antarte e Siza Vieira voltam a juntar-se e criam escultura para Serralves

Depois do projeto para o Pavilhão do Vaticano na Bienal de Veneza, a marca e o arquiteto colaboraram novamente numa instalação de arte.
Mário Rocha e Siza Vieira com a maquete da escultura presente em Serralves.

E se lhe dissermos que um dos maiores arquitetos portugueses queria ter sido escultor? É verdade. Álvaro Siza Vieira teve esse sonho na juventude, mas acabou por mudar o rumo de vida. O desvio não lhe correu nada mal. Afinal, foi o primeiro português (e apenas um dos dois até hoje) a ser distinguido com um Pritzker, uma espécie de Prémio Nobel da arquitetura, em 1992. 

No entanto, a sua história não se ficou por aqui. Em 2023, aos 90 anos, Siza Vieira cumpriu o seu sonho de infância ao realizar uma instalação de arte na Bienal de Veneza, em Itália. O projeto, realizado em parceria com a Antarte, abriu portas para este mundo. Agora, as duas entidades colaboram de novo para um projeto em território nacional. É na Fundação Serralves, no Porto, “o lugar com mais obras do Pritzker no mesmo espaço”, que se poderá encontrar as duas esculturas feitas para as Exposições Inaugurais da Ala Álvaro Siza. 

A exposição foi apresentada dia 23 de fevereiro, apesar de a nova ala já estar aberta aos apreciadores de arquitetura desde outubro de 2023.

As esculturas do arquiteto aqui presentes foram materializadas pela Antarte, numa matéria-prima sustentável: a madeira de criptoméria dos Açores. A marca usa matérias-primas sustentáveis em móveis como consolas, móveis de TV, mesas de centro, mesas de apoio, mesas de jantar, cadeiras, aparadores, camas e mesas de cabeceira.

Mário Rocha, fundador e CEO da Antarte, considera que “a colaboração estabelecida com ‘o mestre’ da arquitetura portuguesa, que é também um dos mais destacados a nível mundial, é uma honra para a Antarte. Era irrecusável o desafio de trabalhar novamente com o arquiteto Siza Vieira, numa instalação de arte que é um tributo ao génio criativo de um dos maiores vultos da arquitetura dos séculos XX e XXI”.

Agora, além da nova ala, a Fundação conta com duas peças, resultado de nova colaboração de Siza Vieira e a Antarte, que recentemente tinha materializado a instalação de arte “Encontro”, composta por 12 esculturas que representam pessoas e que esteve em exposição no pavilhão do Vaticano, na Basílica de San Giorgio Maggiore, entre maio e novembro do ano passado.

Escultura já pode ser vista em Serralves.

Áudio deste artigo

Este artigo foi escrito em parceria com a Antarte.

FICHA TÉCNICA

  • MORADA
    Rua D. João de Castro, 210
    4150-417 Porto
  • HORÁRIO
  • De segunda a sexta, das 10h às 18h (inverno)/19h (verão)
  • Sábado, domingo e feriados, das 10h às 19h (inverno)/20h (verão)
PREÇO
22€ (bilhete geral para todos os espaços)

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT