Teatro e exposições

A maior feira de arte está a chegar a Lisboa

A sétima edição da ARCOlisboa vai reunir os maiores artistas, galeristas e colecionadores da Europa.
Vai encontrar 82 galerias.

A sétima edição da maior feira de arte do país está a chegar à capital. O ARCOlisboa é organizado pela IFEMA Madrid e pela Câmara Municipal de Lisboa, e vai decorrer entre os dias 23 a 26 de maio, na Cordoaria Nacional, em Belém. O evento promete transformar a capital portuguesa num dos maiores centros de interesse artístico e cultural da Europa.

Logo no dia 23 espera-se a receção de artistas, galeristas e colecionadores de todo o mundo, que vêm para conhecer as 82 galerias — oriundas de 14 países diferentes — que vão estar expostas na feira. Só depois é que o evento abre ao público.

Desse total de 82 galerias estima-se que a percentagem da expressão portuguesa no evento corresponda a 34 por cento, com um total de 28 galerias. O ARCOlisboa 2024 vai estar dividido em três secções distintas. A principal, o Programa Geral, vai ser composto por 59 galerias nacionais e internacionais. 

As Formas do Oceano será uma secção de sete galerias comissariada pela arquiteta Paula Nascimento e pelo Professor Igor Simões, e vai “apresentar projetos que se inspiram nas relações entre África e a diáspora africana e outras latitudes”, como se pode ler no site oficial do evento. 

Já a secção OPENING, com 16 galerias, será comissariada pela curadora e historiadora de arte espanhola Chus Martíneze e pela curadora independente Luiza Teixeira de Freitas. Esta espaço “explorará novas linguagens e espaços artísticos de forma a trazer novos conteúdos e pesquisas para a feira”, promete a organização.

Os bilhetes do ARCOlisboa que têm um custo de 20€, podem ser adquiridos através do site da blueticket, sendo que os estudantes e os adultos com mais de 65 anos têm direito a 30 por cento de desconto. Se preferir comprar a sua entrada apenas na bilheteira do evento, o preço aumenta para 25€.

A entrada é apenas gratuita a partir das 15 horas de sábado, para menores de 25 anos, ou para pessoas que tenham grau de deficiência igual ou superior a 33 por cento.

Áudio deste artigo

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT