Teatro e exposições

A nova exposição de Lisboa é invisível

Fica na Culturgest e propõe uma viagem sonora pelo século XX. Pode ser visitada até janeiro.
A entrada aos domingos é gratuita.

Chama-se “A Exposição Invisível” e é a nova mostra da Culturgest, em Lisboa. Foi inaugurada a 26 de setembro e pode ser visitada até 10 de janeiro. A ideia é que o público faça uma viagem sonora pelo século XX — as obras são invisíveis, mas o som esculpe o espaço e cria sensações.

“Desde o início do século XX que os artistas visuais têm vindo a desenvolver projetos sonoros. Quer pela utilização da voz, quer pela construção de ambientes, o som tem proporcionado situações de exploração conceptual, por vezes ocupando um lugar essencial no trajeto de muitos artistas”, pode ler-se na descrição da exposição.

Aqui vai ser possível conhecer obras de Raoul Hausmann, Luigi Russolo, Marinetti ou Kurt Schwitters, António Dias, James Lee Byars, Bruce Nauman, Luisa Cunha, Joan Jonas, Gonçalo Barreiros, Michael Snow, Julião Sarmento ou Juan Muñoz, entre outros. A entrada custa 3€ e aos domingos é gratuita. Saiba mais informações no site da Culturgest.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT