Teatro e exposições

Vem aí uma exposição imperdível de um dos mais antigos fotógrafos portugueses

O trabalho de Carlos Relvas estará em destaque no MNAC, em Lisboa.

A casa-estúdio do fotógrafo fica na Golegã.

É um dos fotógrafos portugueses mais reconhecidos do século XIX, mesmo que não fosse um profissional. Carlos Relvas, nascido na Golegã em 1838, foi premiado várias vezes ao longo dos anos em que desenvolveu o seu hobbie. Agora, o seu trabalho será exposto no MNAC, no Chiado, em Lisboa.

A exposição “Vistas Inéditas de Portugal” vai ser inaugurada a 26 de setembro, às 19 horas. Por lá fica até 20 de janeiro. Reúne cerca de 300 imagens, divididas em dez núcleos, do arquivo da Casa-Estúdio Carlos Relvas e das coleções de várias instituições e particulares. Por isso mesmo, algumas nunca foram mostradas ao público.

A mostra tem ainda material de estúdio e de fotografia, álbuns e publicações. Haverá ainda uma secção de dez pinturas — de nomes como José Malhoa, Guilhermina Reis ou Ferreira Chaves — para se estabelecer a relação entre a fotografia e a pintura romântica e naturalista.

Os bilhetes para entrar no MNAC custam 4,50€, mas existem vários descontos. O museu pode ser visitado entre as 10 e as 18 horas, de terça-feira a domingo — a última entrada é às 17h30.

Esta é uma das fotografias da exposição.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

Novos talentos

AGENDA NiT