Teatro e exposições

Visitante disfarçado de idosa em cadeira de rodas atira tarte ao quadro de Mona Lisa

Aconteceu este domingo, no Museu do Louvre, em Paris, onde está exposta a obra. Não sofreu qualquer dano devido ao vidro protetor.
O quadro não foi afetado.

Não fosse a estrutura de vidro que protege o quadro da Mona Lisa, no Louvre, e a história poderia ser outra. Este domingo, 29 de maio, um homem disfarçado e em cadeira de rodas atirou uma tarte em direção à obra de Leonardo da Vinci. O momento aconteceu numa altura em que várias pessoas — como é habitual — tentavam ver e tirar fotos à obra.

O homem foi detido de imediato e expulso do museu em Paris, França. O vidro de proteção foi limpo minutos depois. A pintura não sofreu qualquer dano. A identidade do autor não foi revelada.

Segundo o “El País”, a atuação do homem teve como objetivo alertar para a destruição do planeta. “Existem pessoas a destruir a Terra, pensem na Terra”, terá dito depois de atirar a tarde contra o vidro de proteção.

Esta não é a primeira vez que o famoso quadro do Louvre é atacado. No verão de 2009 um turista atirou uma chávena em direção ao quadro. A estrutura de vidro voltou a proteger a obra. Em 1974, durante uma exibição no museu nacional de Tóquio, uma mulher tentou pintá-la com um spray de tinta vermelha, mas também não a conseguiu estragar.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT