Televisão

A orgia das salsichas está de volta com uma série “extremamente chocante”

"Sausage Party: Foodtopia" chega esta quinta-feira, 11 de julho, ao streaming. Prepare-se para (muitas) piadas obscenas.
Prepare-se para o humor negro.

Quem viu o filme “Sausage Party”, lançado em 2016, jamais esquecerá a cena final. Nesta, vários produtos alimentares revoltam-se contra os humanos e dão origem a um massacre. Já parece chocante? Ainda não acabou. Concluída a carnificina fizeram todos uma orgia. 

A sequela da produção que arrecadou 142 milhões de euros em bilheteira estreia esta quinta-feira, 11 de julho, na Prime Video — em formato série. Segundo Seth Rogen, o protagonista, vai ser “inacreditavelmente chocante”, contou à “Variety”.

O ator de 42 anos é também um dos criadores de “The Boys”, que está disponível na mesma plataforma de streaming. Para ele, distribuir “Sausage Party: Foodtopia” através do serviço fazia todo o sentido dado o sucesso que tiveram juntos anteriormente.

“No geral, eles deixam-nos fazer o que quisermos, exceto se existirem questões legais. Quando estava a criar esta sequela, ligava-lhes a apresentar as minhas ideias, eles ficavam chocados, mas aprovavam”, recorda.

O projeto foi criado em parceria com Kyle Hunter, um dos guionistas que explica ao “Animation Scoop” que quiseram “ultrapassar tudo o que tinha sido feito no filme”, para criarem uma história “ainda mais irreverente”.

A obra de 2016 “foi um sucesso”. E claro que como se trata de Hollywood, começou logo a ser pensada uma continuação. No entanto, havia ideias a mais para o curto tempo que teriam disponível — e resolveram criar uma série.

“Foodtopia” começou a ser preparada pouco tempo após a estreia do filme e demorou cerca de oito anos a concluir. “É este o tempo que as animações demoram”, explica. “Estamos muito orgulhosos do que fizemos.”

A narrativa decorre logo após os acontecimentos finais de “Sausage Party”. Podiam ter dado muito ênfase à guerra entre comida e humanos, mas não o fizeram. “Apenas deixámos claro que a comida ganhou e, depois, falamos de como passou a ser o mundo governado por estes produtos. Este foi um território muito interessante de se explorar.”

Agora, a história não se passará dentro da loja, mas sim no exterior. Segundo o guionista, vai ser um ambiente completamente diferente e foi criado um “mundo massivo”. Ao longo dos episódios, acompanhamos as personagens enquanto criam uma nova sociedade. 

“Queremos que o público sinta que faz parte desta nova realidade e que consigam sentir a vastidão do mundo. Aumentámos a fasquia e, tal como o filme, a série foi estruturada de forma a ser uma comédia com aventura e ação”, descreve. As salsichas, tartes, manteigas, queijos, pães e todas as outras estrelas vão ter de enfrentar grandes males fora do supermercado, nomeadamente animais selvagens.

A sequela está a ser arrasada pelas publicações internacionais que já viram todos os oito episódios. Segundo o “The Hollywood Reporter”, há apenas entre cinco a dez minutos bons na série — e nenhum destes consegue redimir a produção da Prime Video. Já o crítico Roger Ebert diz que “passa de validade antes de sequer ter acabado”.

O “Collider”, contudo, gostou daquilo que viu. “O humor perverso que esperávamos continua presente e, acima de tudo, passa uma mensagem que se adequa muito à nossa realidade atual”, descreve.

O elenco de “Sausage Party: Foodtopia” também conta com Kristen Wiig, Michael Cera, Edward Norton, Will Forte, Natasha Rothwell, David Krumholtz, entre muitos outros.

Carregue na galeria e conheça algumas das séries e temporadas que estreiam em julho nas plataformas de streaming e canais de televisão.

Áudio deste artigo

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT