Televisão

Afinal, quem vai receber os 113 milhões de euros de Matthew Perry?

Ator morreu aos 54 anos, sem herdeiros diretos e, ao que tudo indica, sem deixar testamento. Não tinha filhos e nunca casou.
Morreu aos 54 anos.

Matthew Perry morreu em casa, no passado sábado, 28 de outubro, aos 54 anos. O ator não deixou filhos (embora ser pai fosse um dos seus maiores sonhos), nem era casado. A falta de descendentes e herdeiros diretos levou a imprensa norte-americana a questionar como vão ser distribuídos os milhões que acumulou ao longo dos anos. Várias publicações especulam que a maioria do dinheiro reverta para os ascendentes, neste caso os progenitores, Suzzanne Langdon e John Bennett Perry. Embora o ator tivesse cinco meios-irmãos mais novos, não se sabe se algum deles receberá parte da herança.

A estrela de “Friends” tinha um património avaliado em 120 milhões de dólares (aproximadamente 113 milhões de euros), constituído, essencialmente, pelos rendimentos da sitcom. Na última temporada, cada um dos membros ganhava cerca de um milhão de dólares por episódio, um valor exorbitante tendo em conta que durante os primeiros anos recebiam “apenas” 22.500 dólares por capítulo. Além disso, continuava a receber royalties devido ao facto do projeto continuar a ser transmitido em diversos países e canais.

Muito do dinheiro que arrecadou ao longo dos anos também foi usado para tentar reverter os problemas físicos causados pelos seus problemas de adição às drogas e ao álcool. Perry foi submetido a 12 cirurgias abdominais e fez mais de 15 tentativas de reabilitação.

O ator foi encontrado morto no jacuzzi da sua casa em Los Angeles, nos EUA, por volta das 16 horas locais (meia-noite de domingo, em Portugal) deste sábado, 28 de outubro. Os paramédicos terão sido chamados telefonicamente para acorrer a uma paragem cardíaca. Apesar de não existirem sinais de crime, nem terem sido encontrados vestígios de drogas, o caso está a ser investigado pela polícia de Los Angeles.

O ator terá regressado a casa durante a manhã, após ter estado a praticar pickleball durante duas horas. Segundo a “TMZ”, o ator pediu ao assistente pessoal que saísse para fazer um recado. Quando regressou, duas horas depois, encontrou-o no jacuzzi, já sem sinais vitais, e ligou para o número de emergência médica.

Aproveite e leia o artigo sobre como Matthew Perry lutou contra o vício do álcool e das drogas, numa vida que teve momentos de grande depressão.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT