Televisão

As reações sarcásticas dos humoristas americanos à chapada de Will Smith

Jimmy Kimmel, Jimmy Fallon e Stephen Colbert não deixaram de comentar o momento mais controverso da noite dos Óscares.
Aconteceu na noite dos Óscares.

O assunto mais comentado do momento continua a ser a reação chocante de Will Smith à piada de Chris Rock na cerimónia Óscares: o ator de “King Richard” desferiu uma chapada ao humorista. E, claro que os vários apresentadores dos mais conhecidos programas de televisão noturnos da televisão norte-americana, muitos deles também comediantes, receberam os espetadores com reações à agressão.

Jimmy Kimmel, o anfitrião do programa “Jimmy Kimmel Live” — e que apresentou os Óscares em 2017 e 2018 —, mostrou como se sentiu ao assistir. “Estava a ver a cerimónia, como a maioria das pessoas, e disse à minha mulher: ‘fizeram um trabalho muito bom com aquele murro. Parecia tão real’”, contou. “E, cerca de três segundos depois, percebemos que foi mesmo real.”

“Estou um pouco chateado. Agora apenas apresentei a segunda cerimónia dos Óscares mais louca de todos os tempos”, acrescentou lembrando o momento (em 2018) em que “La La Land” foi anunciado de forma errada como vencedor de Melhor Filme em vez de “Moonlight“.

Apesar das reações oscilarem entre o humor e a preocupação, os vários comediantes fizeram duras críticas à forma como o comportamento de Will Smith foi recebido. “E a propósito, ninguém fez nada”, frisou. “Uma sala inteira cheia e ninguém levantou um dedo. O Homem-Aranha estava lá. O Aquaman estava lá. A Catwoman também. Todos sentados. Ninguém ajudou Chris Rock”, lamentou Kimmel.

Stephen Colbert, do “The Late Show”, deixou um conselho irónico sobre como reagir a piadas: “Se quer realmente magoar um humorista, não se ria. Isso dói muito mais do que um murro. Garanto-vos.” Ao mesmo tempo, sugeriu que a próxima edição da cerimónia dos Óscares decorra numa arena de batalha: “Entram cinco nomeados e ninguém sai.”

Em uníssono com os colegas humoristas  Jimmy Fallon, do “The Tonight Show”, também não deixou o assunto passar em branco. “Sabes que foi uma entrega de prémios estranha quando termina com uma declaração da polícia”. Apesar de partilhar o mesmo choque os companheiros de profissão, sublinhou o lado bom do sucedido: “A América pode estar dividida, mas tivemos uma excelente oportunidade de nos unirmos para dizer ‘caramba’ ao mesmo tempo.”

“Will Smith não aguenta uma piada, mas Chris Rock aguenta um murro”, brincou James Corden, do “Late Late Show”. O apresentador reagiu de forma mais leve do que os restantes humoristas, fazendo uma paródia da música “We Don’t Talk About Bruno” — da banda sonora do filme “Encanto” — com base na controvérsia.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT