Televisão

Cláudio Ramos: “Os cães não são filhos. Os cães são cães e os filhos são filhos”

Durante uma transmissão em direto, o apresentador mostrou-se indignado pelo facto de algumas pessoas chamarem filhos aos animais.
O apresentador não tem papas na língua.

Durante a emissão especial deste sábado, 24 de setembro, do programa “Dois às 10”, Cláudio Ramos não conseguiu esconder a sua indignação em relação à forma como algumas famílias tratam os animais. Para o apresentador da TVI, não é aceitável que as pessoas tratem os seus pets como filhos, muito menos que os chamem como tal.

“Não me venham com essas conversas que eu fico mal disposto. Os cães não são filhos. Os cães são cães e os filhos são filhos”, afirmou durante a crónica social do programa das manhãs. Cinha Jardim, comentadora do formato, não tardou em responder ao amigo: “Quem não gosta de animais não é boa pessoa”.

O apresentador afirmou que gostava realmente de animais, mas considerava que estes não devem ser tratados como pessoas e comparou a cadela da amiga com as filhas.

“Uma coisa é a Ruanita [cadela de Cinha Jardim] outra coisa são as tuas filhas“, explicou. E aproveitou para recordar um episódio na casa da amiga: “Fui jantar a casa dela e estava um prato a mais na mesa. A cadela jantou ao meu lado”. Perante este cenário bizarro, Cinha a admitiu que a sua cadela Juanita também “jantava à mesa”.

“A Juanita era uma pessoa transformada em cão”, garantiu a comentadora, sobre o animal que morreu em 2015.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT