Televisão

Está encontrado o melhor match de sempre do “Casados à Primeira Vista”

O humorista e cronista Miguel Lambertini analisa o episódio deste domingo do programa da SIC.
Afinal correu tudo bem

E na véspera do feriado de Santo António casamenteiro, lá chegámos ao último jantar do “Casados à Primeira Vista”. Houve acusações e muitas discussões, mas também houve declarações de amor. E não é que o santinho fez mesmo o milagre de juntar um casal?

Quando tudo indicava que já não havia volta a dar e que as brechas no coração de ambos eram demasiado profundas para permitir uma reaproximação, eis que na reta final o amor falou mais alto. João e Luís reconciliaram-se, tornando-se assim no melhor match de sempre deste programa.

Infelizmente este clima de romance não se aplica à anterior parceira de Luís Filipe. Depois de abandonar o campo de férias no primeiro dia, devido a uma acesa discussão com Luís, Cristina decidiu regressar para o último jantar. Embora regressar seja um eufemismo, porque na verdade Cristina ocupou o espaço, estilo marechal Massena, na terceira invasão francesa. Como consequência o ambiente ficou mais pesado que um lutador de Sumo numa feijoada da Caras e alguns participantes não esconderam o seu desagrado.

O ex-casal aproveitou a última ceia para trocar acusações violentas: “Quando fomos para o campismo, ela não colaborava com ninguém, não aceitou uma opinião de ninguém, não aceitou as atividades que lhe foram distribuídas, esteve sempre a criticar toda a gente”, diz Luis e de seguida, revela algo que Cristina lhe pediu. “Laura, o que é curioso é que ela (Cristina) tinha-me dito para eu não falar com o João…”

Cristina interrompe de rompante em modo João Pedro Pais: “Mentira, isso é mentira! Aquilo que eu disse foi ‘pergunta ao João antes de falares com ele’…” E Luís atira, “Epá desculpa lá, eu estou a falar”. “Cala-te!”, atira Cristina. “Mas cala-te o quê? Desculpa lá, agora sou eu que estou a falar!”, retorquiu Luís já com o dedinho malandro no ar. “Não me toques!”, avisou Cristina. Por momentos pensei que alguém tivesse carregado no comando e mudado para o programa de futebol da CMTV, mas depois lembrei-me que àquela hora da noite o João Malheiro ainda estava a acordar.

“Esta senhora é especialista em escárnio e maldizer”, acrescenta Luís. Cristina sente-se ameaçada e diz: “Tenho de me afastar que ele já me está a apontar o dedo e depois vem para cima de mim”, sugerindo que Luis é violento. Foi um belo momento e tenho a certeza que em sua casa no Bolhão, houve peixeiras a comentar “este tipo de linguagem também já é demais, há limites para a peixeirada, carago”.

No meio deste caos, quem está a adorar tudo isto é Laura e Tiago, que se entretêm a ver o espetáculo. Os ex-participantes regressaram e Laura está fascinada com Cristina. Percebe-se porquê, no fundo Cristina é uma Laura em esteroides. “A Cristina é poderosa”, comenta para as câmaras a ex-mulher de Luís.

O concorrente não quis participar neste jantar porque segundo a própria Laura, já tem uma namorada. “O Luís não veio, como é que é possível? O coach, que adorava vender a sua imagem na televisão, não apareceu no jantar de finalistas”, ironiza Laura. O Luís de facto não veio. A Dina também não.

Quem veio foi o Tiago Jaqueta e o grupo não perdeu a oportunidade, para tentar tirar nabos da púcara sobre a suposta traição. “Então, afinal houve ou não houve… na entrevista nós vimos que afinal…”, lança Doina. “Valeu a pena a traição?”, questiona Laura. “Sim, nós interessámo-nos, ainda tentámos…”, responde Tiago Jaqueta. Mas o jovem está mais preocupado em falar sobre a opinião do grupo sobre a sua pessoa.

“Ninguém esteve aqui interessado em me conhecer”, diz e queixa-se. “Vocês avaliaram-me com um mês.” Laura não se fez rogada e respondeu ao desafio: “Perguntaram-me qual é a tua opinião e eu disse: se o Tiago traiu a Dina o Tiago é um tremendo filha da…” Ouch, alguém foi Laurificado. Realmente, um mês é muito pouco, mas vendo bem, há quem só precise de umas horas para avaliar a “personalidade” de alguém e convidá-la para ir para o quarto para conhecer essa “personalidade” a fundo.

“Quem foi a pessoa que mais te ajudou nesta experiência?” perguntava um dos cartões da caixinha e Tiago respondeu. “Foi a Dina. Fez-me aprender o que eu não devo fazer às pessoas, como é que eu não devo tratar as pessoas. Ajudou-me muito.” Que bom que a humilhação da Dina ajudou o Tiago a crescer como ser humano. Que bonita lição de altruísmo, realmente é sempre bom aprender com os erros, principalmente quando são os erros dos outros, que estranhamente não nos magoam porque são os outros que sofrem.

Quem também aprendeu muito com este método foi D. Afonso Henriques, que quando deu uma traulitada na mãe e a enclausurou no Castelo de Lanhoso, descobriu que não é assim que se tratam as pessoas. E depois mandou executar os inimigos galegos que perderam a batalha.

Entretanto, a conversa inclina-se para os atributos físicos dos participantes: “O Luís não faz de todo o meu tipo de homem, então quando o vi o nu…Jesus”, comenta Laura para todo o grupo, dando a entender que o “coach” está a precisar de um “personal trainer”.

Depois vira-se para Luís Filipe e elogia-o: “O Luís é um homem muito bonito”. João corrobora, “o Luís é um homem cinco estrelas, tem um coração bom”. Cá está, o melhor match de sempre deste programa. Quem ficou muito surpreendida com esta aproximação repentina foi Dulce.

A mulher de João não percebe como é que “ainda há dois dias não lhe falava e agora são os maiores amigos”. As imagens em retrospetiva mostram que, no camping, João fez birra e recusou-se a dar um abraço a Luís. Ao assistir à situação Doina pergunta a João: “A sério que não lhe vais dar um abraço? Que idade é que tens?”

É com alguma mágoa que constato que, depois de tantas semanas, a Doina não aprendeu nada com esta experiência. É que se há “chose” que ficou claro nesta temporada é que a idade não interessa para nada. O que interessa é viver a vida como se ela fosse pintada de cor de rosa, porque todos sabemos que o João é, e sempre será, um grande chavalo.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT