Televisão

“Eu, Georgina”: já pode ver o reality show sobre Georgina Rodríguez na Netflix

A NiT falou com a namorada de Cristiano Ronaldo, a protagonista destes seis episódios. É contada a história de como se conheceram.
Há 6 episódios de 40 minutos.

Chama-se “Eu, Georgina” e é um reality show de seis episódios centrado na vida de Georgina Rodríguez — modelo, influenciadora e namorada de Cristiano Ronaldo. O programa estreia na Netflix esta quinta-feira, 27 de janeiro, no dia em que a protagonista celebra 28 anos.

“A Netflix é o melhor serviço de entretenimento e é uma honra ter sido escolhida para ser filmado um reality show”, explica Georgina Rodríguez em declarações à NiT. “Cada momento filmado foi muito especial e significativo”, acrescenta.

O maior desafio, assume, foi que o programa refletisse “o que queria transmitir”. Perguntámos também a Georgina Rodríguez como foram as semanas de gravações. “Cheias de ilusão, esforço e rodeados de profissionais maravilhosos que tornaram possível um grande projeto como este.”

Georgina Rodríguez disse ainda que Cristiano Ronaldo a apoiou neste projeto. “Desde o primeiro momento que me apoiou e ajudou tanto quanto possível.”

A NiT perguntou ainda se havia detalhes da sua vida privada que preferiu manter reservados neste programa. “Os episódios são limitados e tens de escolher o que mais te representa no presente, que era o que queria mostrar ao público. Não há tempo para transmitir toda a vida na sua plenitude.”

“Eu, Georgina” vai contar algumas histórias sobre o percurso de Georgina Rodríguez, mas vai sobretudo retratar o seu dia a dia na atualidade. Promete demonstrar como é o quotidiano na casa de Cristiano Ronaldo, mostrar as dinâmicas familiares e o papel de Georgina enquanto empresária e influenciadora.

Georgina Rodríguez nasceu na Argentina em 1994 mas cresceu em Espanha. É namorada de Cristiano Ronaldo desde 2016 e têm uma filha biológica em comum, Alana Martina, com quatro anos. Mas Georgina Rodríguez está grávida de gémeos neste momento. O reality show foi todo gravado no ano passado, quando Ronaldo ainda era jogador da Juventus e a família estava sobretudo baseada em Turim, em Itália.

A história de como os dois se conheceram é contada no programa da Netflix. “No início não pensei que isto seria tão forte, que eu me apaixonaria por ela. Honestamente não esperava, mas depois de algum tempo senti que era a mulher da minha vida”, diz Cristiano Ronaldo no reality show.

Georgina Rodríguez trabalhava na loja da Gucci em Madrid, a capital espanhola, quando conheceu o futebolista português. “O dia em que conheci o Cristiano foi uma quinta-feira no verão. Estou a caminho do trabalho, como habitual, chego à Gucci, saía às 17 horas e uma colega liga-me: ‘Olha, estou de férias, mas ouve — vai aí um cliente comprar uns casacos por isso fica mais meia hora’”, conta na produção.

O cliente, claro, era Cristiano Ronaldo. “Quando estava a sair da loja vejo um homem muito bonito, com quase dois metros de altura, ele estava com um rapaz e uns amigos e eu congelo. Comecei a sentir borboletas no estômago e questionei o que estava a acontecer comigo. Nem sequer queria olhar para ele, fiquei mesmo tímida”, conta.

Cristiano Ronaldo acrescenta: “Foi aí que entrei e a Geo estava lá. Naquele momento houve um clique. E foi aí que ela ficou na minha cabeça. É a mais pura das verdades”.

Georgina Rodríguez continua a história: “Comecei a atendê-lo na Gucci e um dia ele escreveu-me a perguntar se eu ia a um evento. Quando cheguei lá, ele estava muito elegante, lembro-me exatamente de como estava vestido”.

“Aos poucos fomos falando mais, foi muito natural”, explica o futebolista. Uns meses depois, convidou-a para jantar e a relação desenvolveu-se. “A caminho do restaurante as nossas mãos tocaram-se, e parecia que já tinham lá estado tantas vezes. Pareciam familiares”, acrescenta Georgina Rodríguez. “O meu coração estava boom boom, boom boom.”

A sua vida começou a mudar a partir daí. No programa, Georgina recorda-se de como chegava à loja da Gucci de autocarro e depois Ronaldo ia buscá-la no seu Bugatti. Depois, começou a frequentar a mansão do craque português.

“A primeira vez que fui à casa dele perdi-me, era tão grande. Desde pequena estava habituada a viver em pequenos apartamentos. Só meio ano depois é que consegui descobrir onde é que as coisas todas estavam [na casa de Ronaldo].” Esta e outras histórias são relatadas em “Eu, Georgina”.

Carregue na galeria para conhecer outras novidades da Netflix (e não só).

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT