Televisão

Já pode ver Miguel Amorim na nova série da Netflix produzida por David Fincher

Depois da sua participação em "The One", o ator português dá agora voz a uma das personagens da segunda temporada de “Love, Death & Robots”, que estreou esta sexta-feira, 14 de maio, na plataforma de streaming.
Animação mas para adultos

Estreou esta sexta-feira, 14 de maio, a segunda temporada de “Love, Death & Robots”, na Netflix. E se o primeiro volume da série já tinha merecido a atenção dos portugueses, agora há mais uma razão para ver: tem a participação do português Miguel Amorim.

O ator, de 22 anos, dá voz a OXO nesta produção que junta ficção científica com animação para adultos e alguma dose de comédia, que tinha começado a ser exibida em 2019 e acabou por sofrer algumas paragens por causa da pandemia.

No primeiro episódio da série, ficamos a saber que o Estado proíbe os “descendentes não registados” e que toda a ação é passada num futuro onde são os ricos quem controla os recursos existentes. Tudo muda, ou passa a ter mais ação, quando um dos polícias que deveria controlar a população se debate com a sua consciência.

Além de Miguel Amorim, participam nesta nova temporada de “Love, Death & Robots” atores conhecidos, como Anthony Mark Barrow, Michelle C. Bonilla, Sami Amber, Time Winters ou James Preston Rogers. Neste caso em concreto, a realizadora foi Jennifer Yuh Nelson, sendo que a série é produzida por David Fincher e criada por Tim Miller.

O jovem português já tinha dado nas vistas em “The One”, que estreou em março também da Netflix. Nessa série tem a seu lado Albano Jerónimo e falou sobre essa experiência à NiT, contando tudo sobre os dois personagens que originalmente eram brasileiros mas acabaram por ser portugueses.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT