Televisão

Já se sabe quem é a primeira convidada do novo “Isto é Gozar com Quem Trabalha”

O primeiro episódio estreia já este domingo, 18 de fevereiro, na SIC. O formato diário vai prolongar-se até 8 de março.
O programa começa depois do Jornal da Noite.

Ricardo Araújo Pereira esteve em antena todos os dias com “Isto é Gozar com Quem Trabalha” durante a campanha das legislativas de 2022. Ao longo dos episódios, entrevistou vários candidatos, num registo mais casual e descontraído.

O programa regressa este domingo, dia 18 de fevereiro, novamente num formato diário numa altura em que as eleições, agendadas para dia 10 de março, estão quase aí. A primeira convidada foi anunciada, esta sexta-feira, dia 16 de fevereiro, pela SIC Notícias: Manuela Ferreira Leite.

“Manuela Ferreira Leite é a primeira convidada de Ricardo Araújo Pereira, neste domingo”, informa a publicação nas redes sociais do canal televisivo.

 
 
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by SIC (@sicoficial)

O “Isto é Gozar Com Quem Trabalha — Especial Outra Vez Eleições” começa às 21h55, após o Jornal da Noite. O programa será transmitido diariamente em prime time, até 8 de março, coincidindo com o último dia da campanha eleitoral, tal como a NiT já lhe tinha contado neste artigo.

Os nomes dos líderes partidários que serão entrevistados pelo humorista ainda não foram confirmados, por isso, não se sabe se todos os partidos estarão representados. Rui Rio (PSD), Inês Sousa Real (PAN), João Cotrim de Figueiredo (Iniciativa Liberal), Francisco Rodrigues dos Santos (CDS-PP), António Costa (PS), Catarina Martins (BE), Vitorino Silva (RiR) e Rui Tavares (Livre) passaram pelo “Isto é Gozar com Quem Trabalha” Especial Legislativas de 2022.

Na altura, André Ventura, do Chega, não foi convidado. A exclusão deliberada fez com que o programa fosse alvo de uma queixa junto da Entidade Reguladora para a Comunicação Social. No seguimento do processo, a entidade recomendou ao canal que compensasse os partidos não incluídos pelos “desequilíbrios gerados em matéria de igualdade de oportunidades e de tratamento das diversas candidaturas”.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT