Televisão

“Love in Time of Corona”: a série romântica que foi totalmente gravada na quarentena

Retrata vários casos de amor durante o período de confinamento. Os atores filmaram as cenas nas suas próprias casas.
Tem quatro episódios.

É, provavelmente, a série de televisão mais inovadora e que mais se adaptou às circunstâncias da pandemia — além de retratar parte dela. “Love in Time of Corona” é uma produção do canal Freeform e da plataforma de streaming Hulu que estreia este sábado, 22 de agosto. Ainda não há confirmação sobre se vai chegar a Portugal.

Vivemos uma época histórica que certamente será recordada e retratada na ficção — seja nos livros, nos filmes, no teatro ou na televisão. “Love in Time of Corona” é um projeto gravado em plena quarentena, na fase mais drástica do confinamento americano.

Esta minissérie de quatro episódios é um drama que conta histórias de diferentes personagens, cada uma com as próprias relações, que estão em destaque na narrativa.

Enquanto Hollywood interrompia por tempo indeterminado a sua atividade — sendo que a grande maioria dos estúdios e produções ainda não retomaram as gravações — a showrunner Joanna Johnson pensava em ideias para conseguir fazer uma série de televisão de forma segura naquele período de tempo.

“Apercebemo-nos de que tínhamos de ter atores que já estavam a fazer a quarentena juntos”, disse Johnson numa entrevista à revista “Entertainment Weekly”. “Tínhamos de gravar nas próprias casas dos atores. Precisávamos que eles fossem membros da produção e também atores.”

No entanto, ao contrário de muitos projetos que também surgiram nos últimos meses, não foram usadas plataformas de videoconferência como o Zoom ou o Skype para gravar as cenas — e que também funcionassem como elementos do próprio enredo.

Neste caso, a produção introduziu câmaras profissionais nas casas dos atores. Antes disso, todos os envolvidos em “Love in the Time of Corona” tiveram de ser testados e dar negativo à Covid-19.

Além disso, tudo tinha de estar desinfetado, havia gel desinfetante ao lado dos postos de trabalho e medidas de distanciamento social que foram levadas seriamente.

Johnson explicou à publicação americana que a equipa de produção ficou no exterior das casas dos atores enquanto eles se filmavam a eles próprios no interior. No exterior, montaram tendas individuais para cada trabalhador estar isolado enquanto fazia a sua função. Ainda assim, toda a gente tinha de usar máscaras.

Joanna Johnson realizou os episódios de várias formas — incluindo através de walkie talkies — e foram usadas câmaras de controlo remoto para filmar algumas cenas. A equipa partilhou recentemente um vídeo de making of onde explicam os métodos usados para que conseguissem produzir uma minissérie de televisão em segurança num período particularmente difícil. O projeto foi pré-produzido, gravado, montado e editado totalmente durante a quarentena.

O elenco de “Love in the Time of Corona” é composto por Ava Bellows, Gil Bellows, L. Scott Caldwell, Tommy Dorfman, Emilio Garcia-Sanchez, Rya Kihlstedt, Leslie Odom Jr., Rainey Qualley ou Nicolette Robinson, entre outros.

Carregue na galeria para conhecer outras das novidades da televisão (e do streaming) para este mês de agosto.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

NiTfm
Novos talentos

AGENDA NiT