Televisão

“Mind Over Murder”: a nova série documental da HBO sobre o bizarro homicídio de uma avó

Tem seis episódios e a verdade fica ao critério de cada um. Seis foram condenados pelo crime, mas depois foram exonerados.

Chama-se “Mind Over Murder” e é uma série documental de seis episódios que estreou na HBO Max a 21 de junho. Conta a história real, complexa e excêntrica do assassinato de uma adorada avó de 68 anos, Helen Wilson, na cidade de Beatrice, no estado americano do Nebraska.

“Apesar de cinco dos indivíduos confessarem o crime, os ‘Beatrice Six’, como ficaram conhecidos, foram exonerados com base em evidências de ADN em 2009, uma reviravolta que dividiu a cidade rural e enfureceu a família de Helen Wilson. Os realizadores acompanham o caso desde o homicídio, passando pela investigação, julgamento, exoneração e duas ações civis, apresentando diferentes perspetivas sobre a verdade do caso, numa história que levanta questões importantes sobre a confiança das confissões e da memória em casos de crime”, pode ler-se na sinopse do projeto.

A HBO Max acrescenta ainda que a produção “explora o fenómeno das ‘memórias recuperadas’ que, por sua vez, podem levar a falsas admissões de culpa e avalia os métodos pouco convencionais dos agentes da autoridade. A série também aprofunda a mentalidade dos réus, muitos dos quais são emocionalmente e mentalmente suscetíveis a sugestões psicológicas, ao mesmo tempo que alerta para os erros da investigação e falhas forenses que convenceram um júri da culpa e satisfizeram uma cidade pequena para que o crime fosse resolvido e devidamente punido”.

“Passados mais de 35 anos, a cidade de Beatrice continua a viver com as consequências emocionais desse crime brutal e as repercussões financeiras da investigação. Os ‘Beatrice Six’, que cumpriram entre todos um total de 70 anos de prisão, receberam 28 milhões de dólares de danos, forçando uma nova geração a arcar com a carga tributária imposta à cidade onde as tensões e opiniões ainda são muitas. Apesar das evidências mordazes e conclusivas, muitos moradores ainda acreditam na culpa dos ‘Beatrice Six’, incluindo uma das acusadas, que diz que ainda se lembra dos detalhes da sua participação no crime”, diz ainda a plataforma de streaming americana.

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT