Televisão

Morreu O.J. Simpson, ator e ex-jogador de futebol americano

A personalidade norte-americana lutava contra um cancro na próstata há alguns meses.
Tinha 76 anos.

O.J. Simpson, ex-jogador de futebol americano, morreu esta quarta-feira, 10 de abril, aos 76 anos. O anúncio foi feito pela família através das redes sociais.

“No dia 10 de abril, Orenthal James Simpsom, não resistiu à batalha contra o cancro. Estava rodeado dos seus filhos e netos. Durante este período, a família pede que respeitem o desejos de privacidade e graciosidade”, lê-se na sua conta oficial do X (antigo Twitter). Nos últimos meses estava a travar uma luta contra um cancro da próstata.

Além de ter sido jogador de futebol americano, O.J. Simpson apareceu em várias obras do cinema e da televisão. Ao todo, participou em mais de três dezenas de produções, incluindo fenómenos como “Aonda Pára a Polícia” e “A Torre do Inferno”.

A carreira desportiva ficou ofuscada pelo caso criminal em que se viu envolvido. Tornou-se no principal suspeito da morte da ex-mulher Nicole Brown Simpson e de Ron Goldman, suposto amante. O julgamento parou os EUA e dominou as manchetes durante meses. 

Simpson acabaria por ser ilibado. A história deu origem à série “O.J. Simpson: American Crime Story”.

Em 2007 publicou o polémico livro “If I Did It”, onde abordava o caso e explicava como os teria matado se, de facto, fosse ele o culpado.

 

 

ÚLTIMOS ARTIGOS DA NiT

AGENDA NiT